PUBLICIDADE
Topo

Akin Abaz

Viu o "cadeado" no site de compras? Fique ligado para não estragar o Natal

Hannes Edinger/ Pixabay
Imagem: Hannes Edinger/ Pixabay
Akin Abaz

Akin Bakari D'Angelo dos Santos é fundador da InfoPreta e homem trans. Um curioso nato e um amante do desconhecido, sempre se interessou por montar, desmontar e entender o funcionamento dos eletrônicos. Fez cursos técnicos na adolescência e, aos 15 anos, já atuava na área da indústria com manutenção eletrônica de maquinário pesado. Em 2011, começou a consertar computadores em seu quarto e dois anos depois fundou a InfoPreta, empresa de serviços de manutenção que tem por objetivo inserir pessoas negras, LGBTQI+ e mulheres no mercado tech, aliando lucros a projetos sociais de grande impacto.

Colunista do UOL

24/12/2020 04h00

Começou a melhor época do ano, de amor e afeto. Época de muitos presentes e comemorações, de ficar com a família, mas, com a pandemia, cada um na sua casa preservando sua vida e a dos seus parentes e conhecidos.

Mas como presentear quem você ama, em meio a pandemia que temos que ficar em isolamento? Vamos às compras online. Chega rapidinho e, o melhor, tem uma variedade infinita.

Muita gente está se adaptando a essa nova realidade e refazendo seus negócios para essa oportunidade nas redes, principalmente porque você alcança milhões de pessoas na internet.

Mas como comprar os presentinhos de Natal e Ano Novo com segurança e sem medo de ter seus dados digitais roubados?

Vou passar algumas dicas para evitar esse aborrecimento, para passarmos o Natal sorridentes e felizes com tudo.

Hoje em dia, os bancos disponibilizam opções bem seguras para uso do cartão de crédito e débito online, os chamados cartões virtuais, usados justamente para compras virtuais. Específicos para aquele momento da compra, eles não irão passar, em uma tentativa de compra em outra hora pois tem prazo de validade curto.

Além do cartão digital, também vale analisar se o site é confiável, se o nome do site e o da empresa estão escritos certo. Pesquise sobre credibilidade da loja em sites como Reclame Aqui, Procon e outros antes de preencher seus dados ou realizar compras.

Ah, mas e o cadeado verde antes do "www"? Segundo pesquisas feitas pela firma de segurança PhishLabs, houve uma alta de sites maliciosos com a presença do cadeado verde em sua URL, criando a ilusão de que o site possa ser seguro e, principalmente, aumentando o risco de roubo de dados.

Portanto, fique esperto! Antes de fazer sua compra de Natal, verifique a legitimidade do site.

E caso prefira os aplicativos, siga mesmas dicas de segurança para sites, pois nem todos são confiáveis. Evite qualquer transação que peça dinheiro adiantado, metade do valor do produto ou transferência bancária. É bom evitar também apps de pessoas desconhecidas ou mesmo de quem tem muitos seguidores. A tecnologia pode dar uma falsa noção de veracidade dos fatos.

Após esses babados todos, desejamos um feliz Natal e um próspero Ano Novo. Que 2021 seja de luz e realizações!