PUBLICIDADE

Topo

Ataque de bots na Twitch: streamers relatam perseguição, racismo e assédio

Amanda Fleure

Do START, em São Paulo

27/04/2021 04h00

No início de abril, a streamer Sara "Nebulosa" desabafou em sua conta no Twitter sobre os ataques recorrentes que acontecem em suas lives há cerca de um ano. São incontáveis robôs maliciosos e espectadores anônimos que entram nas transmissões e disparam no bate-papo inúmeras mensagens de ódio seguidas de ameaças de morte, perseguição, estupro, racismo e saudações nazistas. A revolta mobilizou a comunidade gamer que pedia um posicionamento da plataforma de streaming.

O START conversou com Nebulosa, Tayná "Sunflower", Caio "Duqueta" e Mayara "yTapioca" que revelaram a origem dos ataques que hoje são constantes. A apresentadora do CBLoL Academy, Maria "Fogueta" e Juliana "Moondded", fundadora da iniciativa Sakuras Esports, falaram em entrevista sobre a importância das lives como fonte de renda e profissionalização. O START entrou em contato com a assessoria da Twitch no Brasil em busca de um posicionamento e previsão de melhorias no sistema de denúncia. Veja no vídeo acima.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: https://www.tiktok.com/@start_uol/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol