PUBLICIDADE

Topo

Mundo aberto faz de Santuário um personagem de Diablo 4, diz Blizzard

Diablo IV terá um mundo aberto de verdade - DivulgaçãoDivulgação
Diablo IV terá um mundo aberto de verdade Imagem: DivulgaçãoDivulgação

Bruno Izidro

Do START, em São Paulo

22/02/2021 14h00

"Santuário é um personagem em Diablo IV", falou Joe Piepiora durante uma coletiva na Blizzconline 2021 na qual o START estava presente. Ele é um dos desenvolvedores do jogo e justificou a frase de efeito por causa da principal novidade do game: a estrutura de mundo aberto.

Essa característica parece ser a espinha dorsal na qual Diablo IV está sendo desenvolvido. Após ouvir Joe, que é designer de sistema, e a chefe de animação Careena Kingdom, já é possível identificar pelo menos cinco maneiras em como o mundo aberto vai influenciar o aguardado RPG de ação.

Apesar dos jogos anteriores sempre terem fases com áreas bem abertas, Diablo IV está sendo encarado na Blizzard como o primeiro da série realmente de mundo aberto, com uma área tão vasta ao ponto de termos agora um cavalo para locomover mais rápido.

Ao que parece, essa é a tentativa da empresa em dar um passo à frente na fórmula da franquia, seguindo a tendência que muitos RPGs estão tomando hoje em dia, o que abre possibilidades também para a narrativa e o gameplay.

Tradicionalmente nos jogos da série você via pequenas porções do mundo de Santuário e tinha uma noção de que havia mais. Agora, com Diablo IV, queremos quebrar essas barreiras, fazer o jogador explorar e se aventurar, conhecer o que há entre esses lugares e as pessoas que vivem ali
Joe Piepiora, designer de sistema de Diablo IV

Eis alguns dos aspectos que esse mundo aberto vai nos proporcionar de diferente quando jogarmos Diablo IV.

Exploração e combate

O time de Diablo IV está adicionando muita verticalidade aos cenários do game. Os personagens podem pular de abismos, subir um penhasco ou descer uma colina e isso será usado tanto para a exploração das áreas quanto na hora da treta.

Um mundo aberto significa também uma ênfase maior em exploração, em sair por aí conhecendo mais os lugares de Santuário.

Algo que adiciona para a exploração é que você pode descer uma colina, mas não necessariamente pode subir de volta por ela, o que dá muito mais agência e guia sua própria experiência no mundo aberto. Em termos de design, não é sempre claro o caminho que você precisa ir para chegar ao lugar que você quer, e isso encoraja a exploração
Careena Kingdom, animadora de Diablo IV

Progressão do jogo

Diablo 4 classes de personagens - Divulgação/Blizzard - Divulgação/Blizzard
As quatro classes confirmadas até agora: Bárbaro, Maga, Renegado e Drúida
Imagem: Divulgação/Blizzard

Segundo os desenvolvedores, Diablo IV não irá prender o jogador a seguir a campanha e deixará livre para ir para qualquer área do mapa.

Porém, assim como acontece com muitos jogos de mundo aberto, certas regiões terão um nível de dificuldade muito maior, como uma forma de avisar, por meio do gameplay, que aquela área é para um trecho mais avançado do jogo.

Itens

Diablo 4 interface - Divulgação/Blizzard - Divulgação/Blizzard
Interface do inventário do personagem na versão atual do jogo
Imagem: Divulgação/Blizzard

O mapa de Diablo IV é dividido em cinco grandes regiões, alguns já conhecidos dos fãs: o deserto do Kehjistão, as matas de Scosglen, as Estepes Secas, as montanhas geladas das Cimeiras Fraturadas e os pântanos de Hawezar.

O interessante que foi revelado pelos desenvolvedores é que certas armas e conjunto de armaduras serão específicos dessas regiões, o que dará um toque a mais para a personalização dos personagens.

Cada ambientação do mundo tem um tema diferente. Tem os desertos quentes de Khajistão ou Scosglen com seus tons verdes e clima húmido, e refletimos essas particularidades também nãos itens que conseguir nesses locais
Careena Kingdom, animadora de Diablo IV

Eventos e atividades

Não adianta um mundo aberto sem nada de muito interessante para se fazer nele. Por isso, a Blizzard revelou que será possível realizar algumas atividades e eventos enquanto se explora Santuário, e não necessariamente ligadas à campanha.

Por enquanto, duas receberam mais destaque.

Uma delas são os eventos de mundo, lutas contra monstros que acontecem ocasionalmente no mapa e normalmente exigem mais de um jogador para cumprir. São como os eventos públicos de Destiny, por exemplo.

Diablo 4 combate - Divulgação/Blizzard - Divulgação/Blizzard
Diablo 4
Imagem: Divulgação/Blizzard

Já a outra são os acampamentos, cidades em ruínas que estão cheia de inimigos. Uma vez que todos foram mortos, a área volta a ser povoada, o que libera mercadores, possíveis missões paralelas e até entrada para calabouços.

PvP

Diablo não pode ficar sem um multiplayer PvP e o modo é bastante influenciado pelo mundo aberto, porque ele só acontece em áreas fixas no mapa chamadas Campo de Ódio.

Nós sabemos que nem todo jogador de Diablo está procurando uma experiência de PvP, reconhecemos isso, por isso são lugares bem específicos, o que é bom pra nós, assim criamos o espaço no Campo de ódio de forma bem intencional, criamos áreas favoráveis para os jogadores lutarem e outras áreas boas para surgir inimigos
Joe Piepiora, designer de sistemas de Diablo IV

Agora, como ele funciona lembra bastante The Division, já que os jogadores realizam atividades, matam monstros e abrem baús no Campo de Ódio para receber fragmentos do ódio, uma moeda específica do PvP para comprar itens cosméticos.

Porém, ao morrer para outro jogador, todos os fragmentos de ódio caem no chão e todo o seu esforço vai pro ralo. Os fragmentos só não são perdidos caso realize um ritual de purificação em altares localizados na área, o que chama a atenção de quem está por perto. É nessa dinâmica que vai estar a graça do PvP.

Diablo 4

Diablo IV ainda não tem uma data de lançamento prevista, mas já está confirmado para sair para PC, PS4 e Xbox One. Por enquanto nada foi confirmado sobre versões específicas para PS5 e Xbox Series X

Ainda assim, essa será a primeira vez que Diablo será lançado ao mesmo tempo para PC e consoles. A Blizzard também garante que não serão duas versões diferentes do jogo e a experiência do jogo será a mesma para todas as plataformas.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: https://www.tiktok.com/@start_uol/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol