PUBLICIDADE

Topo

Por que Among Us é tão divertido? A resposta está fora do game

Among Us só estourou em 2020, dois anos depois de ser lançado - Divulgação/Innersloth
Among Us só estourou em 2020, dois anos depois de ser lançado Imagem: Divulgação/Innersloth

Bruno Izidro

Do START, em Sâo Paulo

27/10/2020 04h00

À primeira vista, Among Us é um jogo que não deveria chamar tanta atenção. O visual está longe da fidelidade gráfica de um The Last of Us Parte II e ele não é nem um pouco ambicioso como um Cyberpunk 2077.

Então, o que faz dele um sucesso tão grande, e uma experiência tão divertida? Uma pergunta simples, mas a resposta é um pouco mais complicada.

"Trairagem"

Among Us tutorial - Reprodução/START - Reprodução/START
O tutorial de Among Us explica que o jogo é sobre cooperação e traição.
Imagem: Reprodução/START

Em Among Us, os jogadores são astronautas que devem realizar uma série de atividades em uma nave, desde arrumar a fiação elétrica até jogar o lixo fora. Só que entre eles há um impostor, que tem o objetivo de sabotar essas atividades e matar os outros tripulantes.

Essa é a dinâmica que serve como palco quando o ápice de cada partida de Among Us acontece de verdade: as discussões em grupo para saber quem é o impostor.

Os debates acalorados são ativados quando alguém pede uma reunião de emergência ou denuncia um corpo na nave.

São naqueles poucos segundos, em que os jogadores acusam uns aos outros e votam para expulsar alguém da nave, que Among Us realmente brilha. É ali que fica claro o motivo de o game ser tão divertido de jogar quanto de assistir.

O caos da cacofonia, risadas e jogo psicológico de mentiras foi um dos motivos que fez o game funcionar tão bem em transmissões ao vivo.

Afinal, quem é que não gosta de um bom barraco? Among Us traduz isso para o ambiente virtual como uma forma de entretenimento, e os streamers estão usando e abusando dessas características.

As discussões de Among Us traduzem o 'barraco' para o ambiente virtual e como forma de entretenimento

Não é à toa que as clipadas e momentos mais compartilhados em redes sociais são das votações.

Só que o mais curioso é que tudo isso só é possível ao usar recursos que nem estão disponíveis em Among Us, e sim externos a ele, como programas de chat por voz.

Discórdia

Vale aqui ressaltar que Among Us é um game despretensioso, lançado em 2018 por um pequeno estúdio independente norte-americano, o Innersloth. A versão de PC, na plataforma Steam, custa pouco mais de R$ 10, e no mobile é grátis.

O jogo é tão simples que ele nem tem um chat de voz próprio. As discussões são feitas por um chat somente de texto, transformando a votação em reuniões do grupo de Whatsapp do condomínio.

Jogar dessa forma até funciona, mas perde muito da graça.

Among Us chat texto - Reprodução/Twitter - Reprodução/Twitter
Exemplo de como é o chat de texto em Among Us
Imagem: Reprodução/Twitter

Por isso, para deixar as partidas bem mais atrativas e empolgantes, foi necessário o uso de aplicativos externo de chat de voz. Um dos mais usados é o Discord, já bastante popular entre os gamers.

As discussões que tanto vemos nas transmissões ao vivo são feitas usando um recurso que não está presente nativamente no game

Assim, sempre que alguém está jogando Among Us, provavelmente está também em uma chamada no Discord com um grupo de amigos. Isso transforma o ato de jogar também em uma forma de socialização, ainda mais nesses tempos de quarentena.

Esse também pode ser um dos fatores que aumentou a popularidade de Among Us tão rapidamente.

Alguns jogos são um sucesso por estarem na hora certa, no lugar certo, como Fall Guys. Outros por terem um investimento pesado em marketing, como Genshin Impact.

Já Among Us parece ser um caso mais especial, por incluir também o aspecto social. Mesmo que o próprio jogo não ofereça esse suporte, os jogadores dão um jeito de juntar a galera online para um bate-boca virtual acalorado, tretas para saber quem é o impostor, estratégias para acusar esse ou aquele.

Todo mundo se diverte. E é pra isso que jogamos videogame, no final das contas.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: http://vm.tiktok.com/Rqwe2g/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol