PUBLICIDADE

Topo

FIFA 21: Dez craques que merecem um lugar no time de lendas do jogo

Eles marcaram a história do futebol mundial e mereciam um lugar ao sol no simulador de futebol - Arte/UOL
Eles marcaram a história do futebol mundial e mereciam um lugar ao sol no simulador de futebol Imagem: Arte/UOL

Tiago Alcantara

Colaboração para o START

26/07/2020 04h00

A EA fez questão de deixar qualquer modéstia de lado no anúncio de FIFA 21 e promete uma sensação superior para os fãs do simulador de futebol. Apesar do trailer surpreendente que mostra gráficos assombrosos e uma atmosfera imersiva, a desenvolvedora ainda está jogando na defensiva no que diz respeito aos modos de jogo e outras características marcantes da próxima edição, a primeira a aproveitar do poder gráfico dos novos PlayStation e Xbox.

Um desses segredos que a EA deve manter cuidadosamente na manga até um momento mais oportuno é como a marca vai atualizar o modo FIFA Ultimate Team e quais serão os craques que o game vai homenagear no seu time de Ídolos.

A seleção de craques de várias eras já teve nomes diferentes, mas sempre costuma fazer sucesso entre os fãs do game. Ao que tudo indica, a edição de 2020 não deve fugir a regra. Enquanto os desenvolvedores o anúncio dos cards lendários não sai, quebramos a cabeça para listar dez craques dignos de um espaço na seleção de Ídolos de FIFA 21.

Rivelino

Rivelino - Divulgação/FluminenseFC - Divulgação/FluminenseFC
Imagem: Divulgação/FluminenseFC

Com chutes potentes e dribles tão desconcertantes quanto o elástico, Rivellino ainda deixa saudades nos torcedores de Corinthians e Fluminense. O craque campeão do mundo em 1970 tem entre seus admiradores ninguém menos do que Maradona. E, assim como Zico, já teve um card lendário em edições passadas do simulador da EA. Com o modo Ídolos remodelado, valeria muito a pena ter de volta a "patada atômica" em FIFA 21.

".

Casillas

Casillas - Maxim Shemetov/Reuters - Maxim Shemetov/Reuters
Imagem: Maxim Shemetov/Reuters

Ser campeão de uma Copa do Mundo, levantando o caneco como capitão do time não é para qualquer um. Agora, imagine fazer isso tudo na posição de goleiro. E talvez esse nem seja o ponto mais alto da carreira do espanhol Iker Casillas que marcou época no Real Madrid e no Porto.

No começo do ano, o arqueiro anunciou que iria pendurar as luvas após várias premiações, títulos e defesas incríveis. Nada mais do que justo que o game dê um card lendário para o moço.

Romário

Romário - Jose Miguel Gomez/Reuters - Jose Miguel Gomez/Reuters
Imagem: Jose Miguel Gomez/Reuters

Com passagens por PSV Eindhoven, Barcelona e Valência, Romário não teve uma carreira tão longa assim nos gramados da Europa. Sua volta para o futebol brasileiro prejudica sua imagem para os gringos.

Mas, quem viu de perto sabe que o baixinho era sinônimo de gols. Merecia a camisa 11 do time de lendas com louvor.

Puskás

Puskás - Divulgação/TupiFM - Divulgação/TupiFM
Imagem: Divulgação/TupiFM

Não é sem motivo que o prêmio anual da FIFA para os gols mais bonitos do ano levam o nome de Puskás. O atleta da Hungria marcou mais de 514 gols em 530 jogos durante sua carreira. Sim, quase um por partida.

Uma carta na seleção de todos os tempos do modo FUT seria mais uma homenagem justa para um baita craque do passado.

Zico

Zico - Jorge Araújo / Folhapress - Jorge Araújo / Folhapress
Imagem: Jorge Araújo / Folhapress

Um dos maiores craques - senão o maior - já formados pelo Flamengo, Zico é um dos maiores camisas 10 que o Brasil já teve. Levando em conta que "FIFA 20" apresentou um card celebrando a carreira do lendário Sócrates, parece justo ter o galinho completando a "meiúca" ao lado do doutor.

Curiosamente, Zico já teve um card especial em edições passadas do game, mas faria todo o sentido tê-lo de novo.

Xavi

Xavi - Denis Doyle/Getty Images - Denis Doyle/Getty Images
Imagem: Denis Doyle/Getty Images

Não era nada incomum ver Xavi dominar uma bola, dar um giro com ela e se livrar da marcação ou ganhar espaço para colocar um companheiro na cara do gol. O espanhol marcou época em uma das fases mais vencedoras da história do Barcelona.

Além dos passes milimétricos, o craque era conhecido por capacidade de organizar o jogo no meio campo e seria uma ótima adição ao time lendário do game.

Bebeto

Bebeto - Divulgação/LANCE - Divulgação/LANCE
Imagem: Divulgação/LANCE

Um dos atacantes brasileiros mais subestimados dos últimos tempos, Bebeto ia muito além da tabelinha famosa com Romário. O atacante figura entre os dez maiores goleadores com a camisa da seleção brasileira de todos os tempos, na sexta posição.

Na frente dele? Pelé, Ronaldo, Neymar, Romário e Zico apenas. Ah, imagina só ganhar a comemoração de ninar a criança junto com um card lendário de Bebeto? A nostalgia bate forte.

Robben

Robben - GettyImages - GettyImages
Imagem: GettyImages

Aposentado em setembro de 2019, o holandês Arjen Robben anunciou sua volta aos gramados em junho deste ano. Seu retorno será para o time que o formou, o FC Groningen, como uma forma de ajudar a agremiação afetada pela paralisação dos jogos durante a pandemia.

Além dos chutes letais de média e longa distância, Robben também é um atacante de lado de campo bastante eficiente. Merece um card lendário tanto pelo talento quanto pela solidariedade.

Taffarel

Taffarel - ANTONIO SCORZA/AFP - ANTONIO SCORZA/AFP
Imagem: ANTONIO SCORZA/AFP

Outro nome que marcou época com a camisa da seleção, Taffarel é um dos melhores goleiros da história do futebol tupiniquim. Além das defesas incríveis, especialmente em cobranças de pênaltis, o arqueiro foi responsável por abrir as portas para outros goleiros brasileiros em grandes times europeus.

Já dá para imaginar o narrador mandando um "sai que é sua, Taffarel".

Di Stéfano

Di Stéfano -  -

Se o Real Madrid é reconhecido como uma potência europeia e mundial, deve muito disso ao time dos anos 1950. Naquela época, os merengues eram liderados por ninguém menos que Alfredo Di Stéfano, atacante que marcou mais de 500 gols em sua carreira.

Além de contar a história de um dos maiores de todos os tempos, ter craque no time de Ídolos tornaria possível uma dobradinha com Ronaldo em "FIFA 21". É para colocar medo em qualquer defesa.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: http://vm.tiktok.com/Rqwe2g/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol