PUBLICIDADE

Topo

Ghost of Tsushima: Dicas e segredos para libertar a ilha

Divulgação/GeekSaw
Imagem: Divulgação/GeekSaw

Daniel Esdras

Do GameHall

20/07/2020 04h00

Ghost of Tsushima é o último grande exclusivo da Sony para o PlayStation 4 e fecha com chave de ouro um ciclo muito positivo dos estúdios da gigante japonesa.

Com uma mistura interessante de Assassin's Creed, Witcher e Zelda, o jogo conta com um mundo aberto vivo e belo, combate rápido e interessante além de muito foco na exploração.

Com tanta coisa para abordar, separamos dicas que vão te fazer começar bem na ilha e ajudar a transformar o seu Jin Sakai no fantasma de Tsushima. Peque a sua melhor katana, prepare as suas kunais e vem com a gente.

O combate é baseado em momento

Ghost of Tsushima Dicas 1 - Daniel Esdras/GameHall - Daniel Esdras/GameHall
Imagem: Daniel Esdras/GameHall

Cruzar espadas no Ghost of Tsushima vai ser uma atividade recorrente e as vezes inevitável, mesmo que você foque na furtividade. Como bom samurai que é, Jin Sakai pode resolver todos os combates em segundos, com ataques precisos e que levam em conta as fraquezas dos inimigos.

Como a Sucker Punch, desenvolvedora do jogo, queria passar a sensação de estar em um filme de samurai, a inteligência artificial dos inimigos geralmente ataca quase que por turnos, um de cada vez, para focar nos duelos de um contra um. Isso deu a possibilidade de criar um combate todo baseado em tempo: o momento certo de aparar, o momento certo de desviar, o momento certo de finalizar.

A dica aqui é tentar atacar depois de quebrar a defesa do adversário em vez de ficar tentando criar combos com a espada. Dependendo da arma que ele usa, há uma postura ideal para enfrentá-lo. A do vento é perfeita contra quem utiliza lança, a da água contra escudo. Espere o inimigo atacar e, com a postura correta, puna o inimigo, eliminando-o em segundos.

O jogo vai ficar bem mais tranquilo se você melhorar a habilidade de duelo. Com ela, você pode chamar inimigos para o combate individualmente. Se conseguir soltar o triângulo no momento em que o inimigo for te atacar, ele é derrotado com um golpe. A melhoria da habilidade permite que você elimine até mais dois inimigos da mesma forma, o que deixa os combates bem mais tranquilos.

Os únicos inimigos que não ligam para a premissa do jogo são os arqueiros, que simplesmente insistem em infernizar a sua vida com disparos constantes. Eles dão um aviso antes que permite que você desvie, mas, no calor do combate, nem sempre é possível prestar atenção em tudo. Por isso, a nossa dica final aqui é sempre sair correndo para matar os arqueiros primeiro.

Se transforme no fantasma

Ghost of Tsushima Dicas 2 - Daniel Esdras/GameHall - Daniel Esdras/GameHall
Imagem: Daniel Esdras/GameHall

Jin Sakai é um samurai e o seu código não permite atacar inimigos por trás. Isso vale até o momento em que uma frota de navios mongóis para na sua ilha e começa a dizimar o seu povo. Durante a jornada você pode usar a qualquer momento as técnicas de samurai e mesclar sua abordagem com a furtividade, quase como um ninja, com as chamas de habilidades fantasma.

Escolher só um lado é interessante para o role play, mas na prática vai te deixar mais fraco em alguns momentos, já que há missões feitas para serem concluídas apenas no modo furtivo. Uma dica que damos de cara é melhorar a sua arma secundária, o que vai reduzir o tempo necessário para realizar um abate furtivo. Ela gasta menos recursos para ser melhorada que a espada e traz melhorias significantes para a abordagem furtiva.

Ghost of Tsushima Fantasma - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Ao completar missões no jogo, você irá ganhar mais reconhecimento e subir de nível, o que garante novas ferramentas de fantasma, como kunais, bombas e sinos. Se você quer jogar no melhor estilo Assassin's Creed, o sino é um dos primeiros upgrades que você deve fazer, já que ele funciona como a velha mecânica de chamar o inimigo para o lugar que você quer e então abatê-lo por trás. O resto dos itens ajudam bastante no combate, mas geralmente revelam a sua posição, com exceção da kunai, que se melhorada, pode eliminar inimigos em instantes.

Há amuletos que melhoram a furtividade, aumentando o tempo para detecção dos inimigos e podem criar uma build suprema de silêncio. Combine tudo que o jogo oferece e se transforme no fantasma de Tsushima, é divertido e eficiente.

Explorar é essencial

Ghost of Tsushima Exploração - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O grande barato do Ghost of Tsushima é explorar a ilha japonesa. Assim que o jogo te solta, minutos depois do tutorial, está por sua conta ir para onde quiser. Cada cantinho da ilha esconde segredos interessantíssimos e te dá recompensas que vão transformar o seu personagem.

Um segredo aqui é sempre procurar por aldeões ou camponeses que querem contar algo. Nos caminhos eles podem ser encontrados com mongóis que os escravizaram, liberte-os e eles vão te contar um segredo. Nas cidades também há vários deles, alguns até aparecem depois de um tempo ou determinada missão. Como há dezenas de missões secundárias no jogo, esses NPCs são a chave para aventuras memoráveis.

Os animais da ilha também são seus aliados. Os pássaros amarelos, por exemplo, são conhecedores dos segredos do local e te guiam para recompensas. Sempre que ver um pássaro amarelo voando, siga-o e você pode parar em uma fonte termal secreta, um templo ou mesmo um NPC com uma missão. O mesmo pode ser dito das raposinhas, que segundo a lenda são servas de Inari e guiam o Jin para um santuário desse Kami. Ao rezar nesse santuário, você libera espaços para amuletos, que dão boas melhorias para o seu personagem.

Para melhorar os seus equipamentos é necessário uma porção de recursos, que vão de ferro até ouro, passando por tecidos e madeiras raras também. Encontrar tudo isso em boa quantidade só é possível explorando cada cantinho da ilha, incluindo telhados e as passagens por baixo das casas.

Ghost of Tsushima Exploração 2 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Muito mais que a parte de sistemas e melhorias, a exploração também recompensa com paisagens belíssimas. O Ghost of Tsushima é um dos jogos mais bonitos da geração, com um mundo construído com muito carinho. Gaste um bom tempo explorando cada cantinho e você não vai se arrepender.

Uma roupa para cada ocasião

Ghost of Tsushima Dicas 4 - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Em Ghost of Tsushima há vários itens que são apenas cosméticos, como chapéus e máscaras, mas há também armaduras, que garantem bônus únicos para cada situação. É tentador ficar apenas com a sua favorita, seja a de um Ronin Errante ou a de um Samurai com armadura pesada, mas na realidade o ideal é ficar trocando de acordo com o objetivo.

A Roupa do Viajante, por exemplo, faz com que o controle vibre quando há um artefato mongol por perto. Se no momento você está explorando, ela é a melhor pedida para encontrar objetos escondidos. Se você vai atacar adversários com um arco, há uma armadura ideal para isso. Para combate corpo a corpo também. Use sempre a que lhe favorecer.

Ghost of Tsushima 4 - Jefferson Kayo/START - Jefferson Kayo/START
Imagem: Jefferson Kayo/START

Na hora de melhorar a armadura a situação é diferente. Como cada uma tem melhorias individuais e todas pedem muitos recursos, você terá que escolher as que compensam mais. Aí depende do seu estilo de jogo!

Faça as quests de Contos Míticos

Ghost of Tsushima Dicas 5 - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

As missões secundárias do Ghost of Tsushima são muito bem escritas e executadas, você não deveria deixá-las de lado. No que diz respeito à progressão no jogo, elas são importantes para liberar algumas das habilidades e equipamentos mais raros do jogo. Em especial as quests chamadas de Contos Míticos, que ficam em azul no mapa, devem ser feitas assim que aparecerem, já que sempre recompensam muito bem.

Ghost of Tsushima Míticos - Jefferson Kayo/START - Jefferson Kayo/START
Imagem: Jefferson Kayo/START

Em uma delas você vai conseguir um ataque que praticamente elimina inimigos atordoados, em outras armaduras que estão entre as melhores do jogo.

Dicas finais

Ghost of Tsushima Dicas - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

  • Há algumas habilidades que ajudam na exploração. Ao melhorá-las, você pode guiar o vento para te levar em fontes termais, tocas de raposa e até santuários.
  • Sempre que ver um santuário, complete-o, alguns dos melhores amuletos estão nesse minigame.
  • O modo fotografia do Ghost of Tsushima é um dos melhores, se não o melhor, já feito em jogos. Aproveite para tirar imagens belas desse mundo vivo e convidativo.

SIGA O START NAS REDES SOCIAIS

Twitter: https://twitter.com/start_uol
Instagram: https://www.instagram.com/start_uol/
Facebook: https://www.facebook.com/startuol/
TikTok: http://vm.tiktok.com/Rqwe2g/
Twitch: https://www.twitch.tv/start_uol