PUBLICIDADE

Topo

Jogador cego termina "Legend of Zelda: Ocarina of Time" após cinco anos

Jogador cego enfrenta último chefe de "Ocarina of Time"

Start

Do UOL, em São Paulo

05/01/2016 11h51

Chegar ao final do clássico RPG de ação "Legend of Zelda: Ocarina of Time", por si só, não é exatamente uma tarefa complicada, o que passa longe de diminuir o feito do norte-americano Terry Garrett. Ele levou cinco anos para terminar a aventura, com um detalhe: Garrett é completamente cego desde os dez anos de idade. Considerando que games são um tipo de entretenimento com forte apelo visual, a façanha do jogador é um feito bastante notável.

Para poder jogar, Garrett utilizou um emulador de Nintendo 64, de forma que seu progresso pudesse ser gravado constantemente. Sentado em uma cadeira especial, com um sistema de som que separa o canal direito do esquerdo, ele utilizou os efeitos sonoros para se guiar. Em um jogo 3D como "Ocarina of Time", a tarefa fica ainda mais complicada, uma vez que envolve pulos em plataformas e caminhos cercados de abismos.

Ainda que tenha memorizado algumas sequências, Garrett se vale do sistema de gravação e carregamento para prosseguir na base da tentativa e erro.

Outra questão importante é que, uma vez que Garrett tinha 23 anos quando começou sua empreitada em 2011. Ainda que tenha visto o jogo em ação quando ele foi lançado, em 1998, ele já possuía a visão bastante debilitada.

Esse não é, contudo, o primeiro game que Garrett termina: antes de iniciar o RPG, ele já havia terminado o jogo de ação em 2D "Oddworld: Abe's Exoddus". Resta agora aguardarmos qual será o próximo desafio a ser encarado pelo norte-americano.