PUBLICIDADE

Topo

Site sobre bulimia mostra como seriam heroínas dos games em 'corpos comuns'

Do UOL, em São Paulo

23/07/2015 11h53

Como seria uma Lara Croft se ela tivesse as mesmas medidas de uma americana comum? O site Bulimia.com (em inglês), dedicado a ajudar pessoas com distúrbio alimentar e encontrar tratamento, fez um "Photoshop reverso" em heroínas do videogame, mostrando como seriam suas medidas caso fossem como a maioria das norte-americanas.

O site pegou algumas imagens de mulheres dos videogames e as transformou em moças um pouco mais parecidas com as que encontramos no mundo real e os resultados são realmente diferentes do que vemos nos games.

"Videogames ficaram realistas com o passar do tempo. Novos estilos imersivos estão ficando cada vez mais realistas e cinemáticos; os cenários estão mais ricos e mais detalhados. [...] Porém, se os criadores de jogos de vídeo games querem se orgulhar de fazer representações precisas, então está na hora deles fazerem mulheres mais reais ", diz o site.

De acordo com o site, essas representações reforçam o estereótipo de um "corpo perfeito" para a maioria das mulheres, ajudando com que elas se culpem cada vez mais por não ter essas medidas impossíveis de serem alcançadas.

"As garotas que jogam – especialmente as mais jovens – podem desenvolver uma imagem distorcida de como um corpo feminino deve ser. Isso pode marcar o início de pensamentos obsessivos sobre seus próprios corpos e se questionarem o porquê não conseguem alcançar essa imagem almejada".

De acordo com o Bulimia.com, as imagens dos videogames podem elevar a baixo-autoestima dessas mulheres e incentivar distúrbios alimentares como a bulimia.

Start