PUBLICIDADE
Topo

Meghan acusa Palácio de Buckingham de "perpetuar falsidades"

04/03/2021 11h17

Por Michael Holden e Paul Sandle

LONDRES (Reuters) - Meghan, a esposa do príncipe britânico Harry, acusou o Palácio de Buckingham de "perpetuar falsidades" sobre ela e o marido, dizendo que o casal não deixará de contar seu lado da história.

Meghan, a duquesa de Sussex, fez os comentários à apresentadora norte-americana Oprah Winfrey em uma entrevista na qual o casal explicou por que abandonou suas ocupações oficiais com a realeza e que deve ser transmitida nos Estados Unidos no domingo.

Um trecho antecipado da entrevista foi divulgado na quarta-feira, horas depois de o Palácio de Buckingham se dizer "muito preocupado" com reportagens do jornal Times segundo as quais assistentes que trabalharam para Meghan dois anos atrás foram maltratados por ela.

Harry e Meghan emitiram um comunicado negando que ela tenha maltratado alguém.

"O que você achar de o palácio ouvi-la dizer a sua verdade hoje?", pergunta Oprah no trecho.

Meghan responde: "Não sei como eles poderiam esperar que, depois de tudo isso, nós ainda ficaríamos em silêncio, se existe um papel ativo que A Firma está desempenhando é o de perpetuar falsidades sobre nós". A Firma é o nome que a família real britânica usa às vezes para se descrever.

"E se isto vem com o risco de perder coisas, bem, muita coisa já foi perdida", acrescentou Meghan.

A entrevista foi gravada antes de o Times publicar uma reportagem citando fontes segundo as quais uma assessora de Harry e Meghan fez uma queixa em outubro de 2018 alegando que a duquesa deixou alguns de seus assistentes em prantos e tratou outros tão mal que eles tiveram que deixar o emprego.