PUBLICIDADE
Topo

Ricardo Feltrin

TV paga: Canal prepara documentário em tributo aos 50 anos do Kiss

A banda nova-iorquina Kiss - Reprodução / Internet
A banda nova-iorquina Kiss
Imagem: Reprodução / Internet
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

09/05/2021 00h18

O canal pago A & E anunciou que no próximo semestre lançará um especial documental sobre a banda Kiss. Trata-se de um "aperitivo" em tributo ao grupo , que completará 50 anos em 2023. Porém, ainda não há uma data exata para a estreia, segundo o A & E.

Kiss é um fenômeno da música e do rock. A banda nasceu em Nova York em 1973, criou uma nova linguagem visual e trouxe um forte apelo teatral ao rock, acumulando dezenas de milhões de fãs (quiçá centenas) mundo afora. O Brasil, por exemplo, tem legiões de fãs-clubes —de todas as idades.

O documentário terá participação direta de dois de seus fundadores: Gene Simmons e Paul Stanley. O filme é dirigido por D.J. Viola.

O lançamento —batizado de "Kisstory"—vai entrar na faixa "Biography" do canal, que já exibiu em março o excelente e instigante "As Nove Vidas de Ozzy Osbourne".

Além dos integrantes do Kiss (atuais e antigos), o filme conta com a participação de Dave Grohl (Foo Fighters), Tom Morello (Rage Against The Machine), Doc McGhee (produtor do Motley Crue e Bon Jovi) e Bob Ezrin (Alice Cooper, Pink Floyd).

Máquina de vendas

O Kiss vendeu mais de 100 milhões de álbuns no mundo (25 milhões só nos EUA). Dos 50 anos de vida do grupo, eles passaram 40 na estrada em turnês.

Mais que discos ou CDs, o Kiss inaugurou uma era em que uma banda se tornou não só uma marca, mas também uma indústria bilionária. Roupas, enfeites, brinquedos, bonecos, maquiagens, cadernos, bebidas, salgadinhos; provavelmente não há um setor da economia que o Kiss não colocou sua boquinha.

"Kisstory" é um relato honesto e, por vezes, devastador da realidade por trás da fama, da vida real fora do palco: com a ascensão meteórica da banda vieram também os tradicionais problemas com drogas, álcool e outros excessos.

Canal A & E

O A & E é um canal voltado ao público com idade entre 18 e 49 anos, especializado em filmes e séries.

Mas, habitualmente, também envereda pelo campo jornalístico e documental com produções de ótima qualidade.

Entre suas atrações estão "NCIS", "Bull", e também trabalhos investigativos como "Cultos e Crenças Extremas", "AS & E Investiga"; além de "60 Dias Infiltrado na Prisão"

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook, Instagram e site Ooops