PUBLICIDADE
Topo

Como 'League of Legends' foi transformado em 'Arcane', nova série da Netflix

"Arcane" faz sucesso entre as séries do catálogo da Netflix - Divulgação/Netflix
"Arcane" faz sucesso entre as séries do catálogo da Netflix Imagem: Divulgação/Netflix

Steffan Powell e Vikki Blake

30/11/2021 17h36

O novo desenho animado "Arcane" , da Netflix, segue o destino das irmãs Vi e Jinx, que se encontram em lados opostos de uma guerra.

Mas elas não são personagens novas - saíram de um dos jogos de computador mais populares do mundo, o "League of Legends" — conhecido pelos jogadores pela abreviação "LoL".

Os co-criadores da nova série da Netflix, Alex Lee e Christian Linke, também trabalham no jogo. Eles que dizem que sempre compartilharam um "sonho ambicioso" de transformar "League of Legends" em uma série de TV para ir "fundo nas histórias desses personagens".

Os criadores do desenho dizem que os fãs apaixonados do jogo ajudaram "Arcane" a ter sucesso enquanto outras tentativas de adaptar jogos para a TV e o cinema falharam.

A relação de jogos de videogame e computador com Hollywood é bem documentada - e bastante confusa. Há uma série de desenhos animados infantis baseados em jogos que fizeram sucesso, como "Pokémon".

Mas filmes baseados em jogos, para um público mais velho, não conquistaram uma boa audiência. Na última década, tentativas como "Halo", "Street Fighters" e "Dragon Age" foram mal recebidas pela crítica e pelo público.

Alex diz que a empresa Riot Games, produtora de "LoL", deu um voto de confiança ao permitir que "Arcane" fosse feito, especialmente por experiências fracassadas de outras adaptações.

"Arcane" é série baseada no game "League of Legens", conhecido como "LoL" - Divulgação/Netflix - Divulgação/Netflix
"Arcane" é série baseada no game "League of Legens", conhecido como "LoL"
Imagem: Divulgação/Netflix

Arcane se aprofunda nas motivações de Vi e Jinx para "entender o que as tornam pessoas além do que as tornam guerreiras".

"Sempre amamos essas personagens", diz Alex. "O público sempre teve essas perguntas, o que aconteceu entre elas? Elas são irmãs rivais em nosso jogo, mas como elas acabaram assim?"

Christian diz que a nova série não é um "fan service" (adição de elementos ao programa somente para agradar os fãs; em tradução literal, serviço para os fãs). Ele diz que, por isso, mesmo que os telespectadores não tenham jogado o jogo, eles ainda podem desfrutar da história.

Então, como "Arcane" conseguiu alcançar e agradar o público do entretenimento convencional quando tantas outras histórias inspiradas em jogos falharam?

"Por um longo tempo, era um pouco como se Hollywood estivesse olhando pelo lado de fora da janela - há algo especial acontecendo lá, mas precisamos descobrir o que é," diz Christian.

Para Christian e Alex, é sua paixão compartilhada pelo jogo, além de uma compreensão profunda e autorizada de seu universo, que ajudam "Arcane" a vencer a tendência com sucesso.

"Agora estamos chegando a um ponto em que os videogames amadureceram o suficiente, onde pessoas como nós - pessoas que vêm do estúdio e do jogo - cresceram com ele e agora são experientes o suficiente para tentar algo tão ambicioso quanto isso", concluiu Christian Linke.