PUBLICIDADE
Topo

Mostra 'Encruzilhada Nordeste(s)' reúne espetáculos de 10 estados

Silvero Pereira participa de "Pandêmia Coletivo", apresentação de 28 de maio da "Encruzilhada Nordeste(s)" - Reprodução/Instagram
Silvero Pereira participa de 'Pandêmia Coletivo', apresentação de 28 de maio da 'Encruzilhada Nordeste(s)' Imagem: Reprodução/Instagram

20/05/2021 08h56

A mostra "Encruzilhada Nordeste(s): (contra)narrativas poéticas" traz, a partir de hoje, espetáculos cênicos de grupos e artistas de dez estados brasileiros. As 14 apresentações foram pensadas para a internet e ocorrem dentro do projeto Cena Agora, do Itaú Cultural.

São espetáculos que abordam de forma crítica as construções estereotipadas da região Nordeste. A abertura será feita por uma mesa de discussão com a atriz e jornalista pernambucana Ademara Barros, que faz vídeos de humor ironizando comportamentos machistas e racistas junto com a jornalista e produtora Val Benvindo.

Amanhã, o palco virtual recebe o espetáculo "Amora", do grupo Canteiro, do Piauí. Uma cena que acontece em um quintal, com reflexões sobre vulnerabilidade e isolamento a partir da respiração de uma mulher e uma árvore. A proposta é criar uma "fábula cotidiana" sobre o ar que forma as palavras e mantém a vida — "o ar como a substância mais fundamentalmente coletiva".

No domingo (23), o grupo baiano Teatro dos Novos faz uma encenação a partir do texto "Eztetyka do Sonho", do cineasta Glauber Rocha, um dos mais importantes nomes do movimento do Cinema Novo. O manifesto opõe a sensibilidade afro indígena do Brasil à razão dos colonizadores.

No último dia de mostra (30), "Notícias do Dilúvio - Um Canto a Canudos" faz, a partir das personagens Das Dores e Dos Anjos, um resgate da participação das mulheres na Guerra de Canudos (no final do século 19). Entre orações, lembranças e alucinações, o espetáculo traz um novo viés sobre "uma das mais importantes experiências de resistência popular do país".

Programação

Todas as apresentações ocorrem de quinta-feira a domingo, nos períodos de 20 a 23 e de 27 a 30 de maio, com início às 20h, de quinta a sábado, e às 19h aos domingos. As transmissões são feitas a partir da plataforma Zoom, com limite de lotação. Os ingressos podem ser obtidos no Sympla. Após as apresentações, haverá conversas com os artistas.

A programação completa está disponível na página do Itaú Cultural.