PUBLICIDADE
Topo

Morreu o escritor belga de romances de aventura Henri Vernes

26/07/2021 17h34

Bruxelas, 26 Jul 2021 (AFP) - Henri Vernes, prolífico autor belga de romances de aventura e ficção científica em língua francesa, morreu ontem, aos 102 anos, anunciou a editora Lombard nesta segunda-feira.

Vernes foi criador do aventureiro francês "Bob Morane", que estrelou 200 romances, dos quais 40 milhões de exemplares foram vendidos em todo o mundo. "Gostaria de escrever mais 100 livros, cortejar algumas tantas mulheres e deixar o restante para o acaso", disse Vernes ao canal belga RTBF por ocasião de seu centenário.

Enquanto trabalhava como jornalista em Paris nos anos posteriores à Segunda Guerra Mundial, Vernes foi convidado pela editora Marabout, em 1953, a escrever uma série de livros para os jovens. Assim nasceu Bob Morane, um francês poliglota de 33 anos especialista em artes marciais e ex-herói de guerra que enfrentava, entre outros, piratas, monstros espaciais e a senhorita "Ylang-Ylang". Ele também criou seu companheiro de aventuras, um ruivo escocês amante de uísque chamado "Bill Ballantine".

A partir dos anos 1960, o autor adaptou seus romances a séries de quadrinhos ilustradas por seu compatriota Gerald Forton. Sua obra foi traduzida para idiomas como russo e japonês.

O escritor nasceu Charles-Henri Dewisme, em 16 de outubro de 1918, na cidade de Ath. Aos 18 anos, evitou estudar com jesuítas em Tournai e viajou pelo mundo, incluindo a China. Ao retornar à Europa, trabalhou para os serviços secretos belga e britânico durante os anos de guerra, antes de se tornar jornalista em Paris.

ccd/lc/pc/eb/lb