PUBLICIDADE
Topo

Senadores republicanos votam por convocar CEOs de Facebook e Twitter

22/10/2020 18h56

Washington, 22 Out 2020 (AFP) - Senadores republicanos dos Estados Unidos votaram nesta quinta-feira (22) a favor de convocar os CEOs do Twitter e do Facebook, respectivamente Jack Dorsey e Mark Zuckerberg, em meio a críticas crescentes sobre a gestão do conteúdo político por parte das redes sociais.

A decisão do Comitê Judicial do Senado chega uma semana depois de as plataformas terem recebido várias críticas por limitar o alcance de um artigo do jornal The New York Post, crítico ao candidato democrata, Joe Biden.

Os 12 senadores republicanos votaram a favor da convocação, em meio ao boicote democrata pelas audiências aceleradas de confirmação da candidata nomeada por Donald Trump para a Suprema Corte, Amy Coney Barrett. Mas nenhuma data foi informada para as audiências com os diretores-executivos.

O líder do comitê, Lindsey Graham, disse que apesar da abstenção dos democratas, ele acredita "que há muito interesse do outro lado de trazer alguns dos líderes das redes sociais para responder a perguntas sobre suas plataformas".

A decisão ocorre em meio a intensos ataques contra grandes empresas tecnológicas por parte de líderes políticos dos dois partidos com vistas às eleições presidenciais de 3 de novembro.

Os CEOs de Twitter, Facebook e Google já foram convocados a depor semana que vem em um painel diferente do Senado americano, que examina uma lei que lhes oferece proteção de responsabilidade pelo conteúdo publicado por terceiros em suas plataformas.

rl/ft/lda/yo/mvv