Conteúdo publicado há 1 mês

Débora Falabella comenta peça sobre violência sexual: 'Vários gatilhos'

Débora Falabella, 45, em entrevista ao Globo.

Em cartaz com a peça 'Prima facie', a atriz contou que entrou em contato com situações que viveu. "Até porque, mostra que muitos homens não acham que estão cometendo aquela violência. Isso é cruel com a mulher. Com meus antepassados, sexo não consensual no casamento não era considerado estupro"

Como mulher, fomos subjugadas dessa forma. Sinto esses gatilhos na hora em que faço o espetáculo. É importante discutir leis e rever onde deixamos essas coisas acontecerem. Débora Falabella

Ela ressaltou que algumas violências são normalizadas na sociedade. "Há gatilhos que mostram como a gente normaliza coisas que são violentas como a frase: "Só fique aí deitada e me deixe fazer amor com você. Nessa hora, consigo escutar na plateia coisas como: "ihhh", "hum", "ai". Você vê que o público conecta, tipo: "Rolou comigo".

A peça, escrita pela australiana Suzzi Miller, conquistou o público e vem lotando o Teatro Adolpho Bloch, no Rio de Janeiro.

Deixe seu comentário

Só para assinantes