Conteúdo publicado há 1 mês

'Não visita o filho como deveria', diz Ana Hickmann sobre Alexandre Correa

A apresentadora Ana Hickmann desabafou sobre a dificuldade de comunicação entre seu filho, Alezinho, 10, e o ex-marido e pai da criança, Alexandre Correa.

O que aconteceu

Ela disse que, caso o pai queira falar com o filho por WhatsApp, basta "presenteá-lo" com um celular novo, em texto publicado no Instagram. "Se você é pai, quer falar com seu filho por WhatsApp, basta presenteá-lo com um telefone celular novo. Ou tenha educação e aguarde o conserto do aparelho que a mãe comprou".

Hickmann ainda afirma que essa é uma dica para "quem não paga nada" e "não visita o filho como deveria". "Contato por telefone provisório com chip e ligação à vontade é comunicação! Fica a dica para quem não paga nada e não visita o filho como deveria".

Splash tentou contato com a defesa de Alexandre Correa, mas não obteve retorno. O espaço segue aberto para manifestação.

Medida protetiva

Ana Hickmann registrou boletim por violência doméstica no início de novembro de 2023. Na ocasião, ela escolheu não pedir medida protetiva contra o então marido, mas depois mudou de ideia.

A apresentadora relatou à Polícia Civil que o executivo a pressionou contra a parede, ameaçou dar uma "cabeçada" e que ela teve o braço pressionado em uma porta de correr. O relato foi confirmado por Correa, no dia 13 de novembro, em entrevista exclusiva à reportagem de Splash. Entretanto, ele negou que tenha dado cabeçada na mulher.

No boletim de ocorrência, Ana Hickmann contou que estava na cozinha, conversando com o filho, Alexandre, 10, e que o marido não gostou do conteúdo da conversa. Neste momento, os dois teriam aumentado o tom de voz e assustado a criança, que chegou a pedir para que os pais parassem de discutir.

Divórcio

Além de conceder o divórcio, a Justiça negou um pedido de Alexandre para receber uma pensão mensal de Hickmann. O agora ex-marido da apresentadora havia pedido na ação uma pensão mensal de R$ 42 mil. Para a juíza, não há motivo para o pagamento. As informações foram divulgadas pelo Extra e confirmadas por Splash.

Continua após a publicidade

A Justiça também proibiu Alexandre de falar publicamente sobre o assunto sob multa de R$ 5 mil. Este foi um pedido de Hickmann concedido na ação.

Ainda não foi definida a partilha de bens entre o ex-casal. Eles se casaram com comunhão total de bens em 1998. A decisão deve sair nas próximas semanas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes