Conteúdo publicado há 1 mês

Conrado, que perdeu o filho, retomou a carreira após morte de parceiro

O sertanejo Conrado, que perdeu um dos filhos na segunda-feira (3), também lidou com a morte de sua dupla sertaneja recentemente.

O que aconteceu

Ele era dupla de Aleksandro, que morreu aos 34 anos em 2022. Em maio daquele ano, um dos pneus do ônibus da dupla estourou na rodovia Régis Bittencourt, na altura de Miracatu, no interior de São Paulo. O motorista perdeu o controle do veículo, que tombou no canteiro central. Aleksandro e outros cinco membros da equipe morreram.

Imagem
Imagem: Reprodução/Instagram

Conrado ficou quatro meses internado. Ele passou um mês e meio no Hospital Regional de Registro (SP) e, depois, foi encaminhado a Londrina, onde fez tratamento por mais dois meses e meio antes de voltar à sua casa em Goiânia.

Ele lançou uma música em homenagem aos mortos no acidente. Na data que marcou um ano da morte de Aleksandro, Conrado lançou "Sou seu anjo", em que canta do ponto de vista de alguém que já morreu e virou um anjo da guarda: "Daqui de cima eu sou seu anjo, mesmo de longe te cuidando".

No ano passado, Conrado formou uma nova dupla com Wesley. O novo projeto foi anunciado em junho e, no mês seguinte, a dupla fez seu show de lançamento em Goiânia.

Deixe seu comentário

Só para assinantes