Conteúdo publicado há 2 meses

Marido de Nadja sobre morte do filho: Nunca imaginei que assinaria o óbito

A apresentadora Nadja Haddad e o marido, Danilo Joan, usaram as redes sociais para falar sobre a morte de Antônio, um dos filhos gêmeos do casal.

O que aconteceu

Danilo relembrou a dificuldade que foi a gravidez da esposa. "Três anos tentando ser mãe, 38 dias deitada, 20 deles sem poder levantar para ir ao banheiro... Eu orando, buscando e tendo a certeza de que este dia das mães eu estaria radiante por você e por nós! Mas nossos planos nem sempre são os de Deus. Ontem, nosso Antônio virou um anjo. Muitas vezes não entendemos os planos de Deus, mas para quem tem fé e é fruto de milagre como eu e minha esposa, decidimos confiar! Posso te dizer que em 16 dias você foi a melhor mãe do mundo que o Antônio poderia ter."

Na sequência, ele falou sobre a perda do filho. " Hoje eu posso dizer o que é o amor de um marido que honra a sua esposa e de um homem que tem o prazer de ver nascer o seu filho. Hoje eu também sei o que é a dor. Nunca imaginei que assinaria o óbito do meu filho. Nem a todos que nos desejam o mal, eu desejo passem por isso um dia. Orem pelo nosso José", finalizou.

O bebê morreu no último sábado (11), véspera do Dia das Mães. Antônio e José nasceram no dia 25 de abril. No entanto, Antônio foi levado para a UTI neonatal da maternidade Pro-Matre Paulista.

Nas redes sociais, Nadja emocionou ao lamentar a morte do filho. "Meu primeiro dia das mães não foi como eu queria ou imaginava. Deus recolheu nosso Antônio. Meu filho virou um anjinho. Parte de mim morreu? Mas sei que Deus me dará forças, a mim e ao meu marido, Danilo, pelo nosso José. Em tão pouco tempo, Antônio uniu muita gente em oração, em comunhão. Me ensinou, como José tem me ensinado, a fortaleza e a profundidade que é ser mãe", relatou.

Deixe seu comentário

Só para assinantes