PUBLICIDADE
Topo

OnlyFans: Katie Price pode ser presa por postar fotos eróticas na Tailândia

A modelo e personalidade de televisão Katie Price pode ser presa já que o país possui leis contra pornografia - Reprodução
A modelo e personalidade de televisão Katie Price pode ser presa já que o país possui leis contra pornografia Imagem: Reprodução

Colaboração para Splash, em São Paulo

06/07/2022 08h29

A modelo Katie Price, 44 anos, e seu marido, Carl Woods, podem ser presos na Tailândia, por infringir as leis antipornografia do país. O casal postou fotos na plataforma de conteúdo adulto OnlyFans, tiradas no hotel onde estão hospedados.

O país, que possui regras rígidas contra a pornografia, em 2020, por exemplo, o governo baniu o site Pornhub e vários outros que possuem a mesma finalidade.

Segundo as leis do país, publicar conteúdo "obsceno" online é punível com até cinco anos de prisão, ou multa de 100.000 baht, equivalente a R$ 15 mil, na cotação atual, ou ambos.

Katie e e o marido viajaram para a Tailândia na semana passada, logo depois que a modelo enfrentou um tribunal na Inglaterra para o pagamento de sua dívida de 3,2 milhões de euros - cerca de R$ 16 milhões na cotação atual.

Ela foi condenada a cumprir 18 meses de serviço comunitário não remunerado, após violar a ordem de restrição contra a noiva do ex-marido Kieran Hayler, Michelle Penticost. A modelo supostamente enviou uma mensagem "agressiva" a Michelle em janeiro e, por isso, foi acusada de assédio.

Por conta da mensagem em tom agressivo, Katie ficou 12 horas presa em uma cela no dia 21 de janeiro. A polícia de Sussex revelou ao jornal "Mirror": "Katie Price, 43, foi acusada de assédio - violação de uma ordem de restrição.

OnlyFans é um site popular na indústria do entretenimento adulto. Nele, as pessoas podem assinar fotos e vídeos de outros, seja famoso ou anonimo. Não há censura para imagens nuas. Ele foi lançado em 2016 no Reino Unido. No Brasil, a página conta com celebridades como Anitta, Raíssa Barbosa, Silva e Rita Cadillac.