PUBLICIDADE
Topo

'Filho jamais segurou casamento', declara Samara Felippo em foto com filhas

Samara Felippo ao lado das filhas Alícia e Lara - Arquivo pessoal
Samara Felippo ao lado das filhas Alícia e Lara Imagem: Arquivo pessoal

Colaboração para Splash, em São Paulo

28/06/2022 09h40

Samara Felippo, 43 anos, publicou uma foto ao lado das filhas Alicia, 13 e Lara, 9, fruto do seu casamento com o jogador de basquete Leandrinho Barbosa, que terminou em 2014, para desabafar sobre relacionamento e família.

"A partir do momento em que uma mulher se pega pensando se tem coragem ou não de pedir o fim do casamento, algo já revirou por dentro. Quando ela começa a questionar se é o caso de se separar com filhos ou de colocar os filhos como uma moeda de troca para que aquela relação não venha a falir, é porque já existe algo exponencialmente errado ali. Até porque, sempre achamos que a culpa pelo término é invariavelmente nossa", começou, em seu Instagram.

"Filho jamais segurou casamento, mas, no fundo, algumas gerações passadas acreditavam de verdade que era preciso manter o casamento aparente e "feliz", passando por cima de toda e qualquer violência, para não "traumatizar" os filhos. Ou, até mesmo, para tentar não carregar a culpa por essa falência", continuou Samara.

"Seus filhos não verão uma mulher forte. Eles verão uma mulher exausta, estressada, triste, renunciando seus sonhos, sua liberdade, sua identidade e profissão, na maioria das vezes. Eu e elas, muitos aniversários e momentos nossos! Só nossos", finalizou a atriz.

Em 2020, a artista revelou que teve um "baque" ao se ver mãe solo. Ela conta que, por causa da experiência, montou, com a colega Carolinie Figueiredo, a peça "Mulheres que Nascem com os Filhos", em que conta sobre sua experiência.

"Amo minhas filhas, detesto ser mãe. A minha peça foi um grito sobre, 'me deixem sentir o que eu quero sentir'. Ninguém tem de mandar no que sinto. Ninguém tem de velar o meu sentimento. Não é porque eu não gosto da função — e a minha posição é muito privilegiada — que eu deixe de amar minhas filhas", disse, em bate-papo no programa de rádio "Rock Reclame", da Kiss FM.