PUBLICIDADE
Topo

Priscilla Alcantara rebate fala de cantora gospel Bruna Karla: 'É podre'

Colaboração para Splash, em São Paulo

23/06/2022 09h30

Priscilla Alcântara, 26 anos, criticou a fala da cantora gospel Bruna Karla, que se recusou a cantar no casamento de um amigo por conta da orientação sexual dele.

"É muito triste, é podre. É errado em muitos níveis. Cara, toda vez que eu for abrir a boca, a minha preocupação não deve ser emitir a minha opinião. Primeiro que opinião não foi feita para ser dada, ela foi feita para ter. Você só dá a sua quando te pedem", disse ela no "PocCast", apresentado por Lucas Guedez e Rafa Uccman.

Priscilla, que também foi cantora gospel, ressaltou que houve falta de empatia nas palavras de Bruna. "Quando você vai falar, você tem que fazer o exercício de sempre pensar em como a sua fala vai atingir o próximo. O que eu acredito é que eu tenho que ter cuidado em como as coisas que eu falo vai refletir em sua vida."

Logo depois, ela citou um trecho da Bíblia para justificar o porquê de achar o posicionamento inadmissível.

"Jesus fala: 'novo testamento vos dou. Ame os próximos assim como eu te amei. Eu não vivo minha fé dessa forma: 'enquanto eu adoro a Deus, eu mato alguém'. Não existe isso, não reflete o Deus que eu acredito", acrescentou.

Fala polêmica

Bruna Karla gerou polêmica na internet por causa de seu posicionamento em entrevista ao "Podcast Positivamente", de Karina Bacchi. A cantora gospel revelou que recebeu proposta de cantar no casamento de um amigo gay, mas recusou.

Ela também propôs uma espécie de "cura" para o rapaz, dizendo que "o que Deus sonhou pra você não foi isso, você me perdoa". A fala revoltou os internautas e a gravação viralizou nas redes sociais.

Bruna Karla recebeu críticas inclusive de famosos como Gil do Vigor, Xuxa e Jojo Todynho.