PUBLICIDADE
Topo

Pantanal

Tudo sobre a novela da Globo


Fivela de respeito e homem pode tudo: as melhores frases de Maria Bruaca

"Fivela de respeito", diz Maria Bruaca a Alcides em Pantanal, em cena que viralizou nas redes sociais - Reprodução / TV Globo
"Fivela de respeito", diz Maria Bruaca a Alcides em Pantanal, em cena que viralizou nas redes sociais Imagem: Reprodução / TV Globo

Luan Martendal

Colaboração para o UOL

19/06/2022 04h00

Se há uma personagem hoje na televisão brasileira capaz de romper as telas e engajar o público com falas marcantes em diferentes situações, é Maria Bruaca, interpretada pela atriz Isabel Teixeira no remake de Pantanal (TV Globo).

Por vezes de duplo sentido ou carregadas de carga emotiva, as frases da Maria Bruaca viralizam com frequência na internet, ganhando cada vez mais a torcida dos fãs da novela.

O fenômeno é parecido com o vivenciado por donos de bordões das novelas que são lembrados até hoje pelos internautas, dentre eles Félix (Mateus Solano, em Amor à Vida), Nazaré (Renata Sorrah, em Senhora do Destino) e Clara (Bianca Bin, em O Outro Lado do Paraíso).

O sucesso de Maria Bruaca, para além da excelente interpretação de Isabel Teixeira — que consegue transitar entre o drama e a comédia com facilidade — vem da reação da personagem ao descobrir as traições do marido, o machista Tenório (Murilo Benício).

De uma aparente submissão e devoção ao fazendeiro, a dona de casa escolheu não se humilhar, nem se calar diante da traição.

Pelo contrário, iniciou uma fase de libertação pessoal, que incluiu se render às investidas dos peões Alcides (Juliano Cazarré) e Levi (Leandro Lima). Sempre, claro, acompanhada de respostas ácidas e frases de efeito que caem nas graças do público, gerando memes nas redes sociais.

Confira algumas das frases mais marcantes de Maria Bruaca até agora na novela.

"Nunca sei de nada nessa casa"

No começo da novela, quando ainda vivia em harmonia com o marido e não desconfiava que ele tinha outra família, Maria Bruaca se mostrava conformada com a vida que levava.

Porém, as idas frequentes de Tenório para São Paulo começaram a deixá-la com a pulga atrás da orelha e, num diálogo marcante com a filha, Guta (Julia Dalavia), ela expôs seu real sentimento: "Não entendo que negócio é esse que ele tanto tem... Se ele nunca teve terra em São Paulo", questionou.

Já sabendo das escapadas do pai, Guta respondeu que ele tinha mais negócios por lá do que a mãe poderia imaginar.

Foi então que Maria Bruaca reconheceu, em uma de suas frases, certa submissão ao marido: "Eu nunca sei de nada nessa casa... Só sei esperar pela volta do teu pai, como esperei a vida inteira. E nunca sei pra onde ele vai, nem de onde ele vem", afirmou.

"O que você tá falando é uma indecência"

Quando ainda acreditava ter um casamento ilibado, Maria Bruaca repreendeu a filha ao descobrir que a jovem havia transado com Jove (Jesuíta Barbosa). Chocada com a revelação da filha, ela perguntou como falaria sobre o assunto com o marido.

"Eu só servi ao seu pai depois de casada! O que você tá me falando é uma indecência, como eu vou explicar uma coisa dessa pro Tenório?".

Guta então afirma que ela mesma seria capaz de contar a novidade ao pai, deixando Bruaca desolada. "Vai falar que deitou com o outro? Que não é moça virgem?", disse.

"Bruaca é tua mãe que te botou no mundo"

Após descobrir as traições do marido, durante mais um dos mandos e desmandos de Tenório e já sabendo que ele mantém uma segunda esposa chamada Zuleica (Aline Borges), Maria Bruaca foi confrontada sobre o motivo pelo qual chorava. Em vez de se calar, ela rebateu o marido: "o choro é meu, choro quando eu quiser".

Em seguida, ela também se recusou a esquentar o almoço de Tenório como sempre fazia e afirmou: "a boia tá lá no fogão, se você quiser, você esquenta".

Na tentativa de ordenar a esposa, Tenório a chamou pelo apelido depreciativo dado por ele, "Bruaca, venha cá", ao que ouviu de volta: "Bruaca é tua mãe que te botou no mundo". O confronto marcou um dos primeiros passos da reviravolta da personagem, fazendo o público vibrar com a reação.

"Ela também lava suas cuecas cagadas?"

Numa conversa franca em que a traição de Tenório era exposta entre o casal, o fazendeiro recebeu uma invertida de Maria Bruaca, que o questionou se ele também chamava sua outra mulher de bruaca. E seguiu: "ela também sustenta tuas ofensas? Ela também lava suas cuecas cagadas na mão?", bradou.

A cena, exibida em 23 de maio, também mostrou Maria Bruaca jogando na cara do marido tudo o que estava sentindo, "Tenório, nada é difícil quando a gente é sincero! Sabe o que é pior? O pior era você chegar aqui com as malas cheias de roupa e eu ter que levar. E ter que lhe botar comida na mesa. Eu soltando os cabelos para você! Lhe procurando na cama e você virando as costas. Ainda dizia que eu não prestava. Quem não presta é você! Nunca prestou!", afirmou.

Para fechar a cena e ganhando os fãs da novela de vez com sua coragem, Maria Bruaca informou ao marido que a partir dali, caso ele quisesse comida na mesa e roupa lavada e passada, deveria contratar uma empregada.

"Se você quiser comer qualquer coisa, só me falar"

Cansada de tentar seduzir o marido e não ser correspondida, Maria Bruaca intensificou os flertes com Alcides e recebeu apoio dos telespectadores que "shippam" o casal.

No capítulo de 13 de maio, depois de ser dispensada por Tenório, a dona de casa foi para a cozinha da fazenda tomar um ar e encontrou o peão, e o clima de paquera ficou no ar.

Durante o diálogo entre os dois, ela lançou mais uma frase de duplo sentido e afirmou "se você quiser comer qualquer coisa, é só me falar". O primeiro beijo entre os dois, porém, só veio nos capítulos seguintes.

"Fivela de Respeito"

Cada vez mais à vontade com o funcionário de Tenório, Maria Bruaca aproveitou para dar uma cantada daquelas em Alcides. Logo após ser socorrida pelo peão ao cair de um cavalo, ao ser segurada por ele pelas costas a patroa falou: "Nossa Alcides, eu não sabia que você andava armado". "Não tô armado nada, é a fivela do cinto somente", respondeu ele.

Com um sorriso de canto da boca, ela rebate: "Fivela de respeito". A cena viralizou com diferentes memes e fez a torcida pelo casal crescer ainda mais.

"Às vezes é bom sentir cheiro de homem"

Dona de si, Maria Bruaca também passou a flertar com o novo peão do marido, Levi. Oferecendo café para ele, mesma forma utilizada para se aproximar de Alcides, ao ser questionada se já estava servida, Maria Bruaca disse uma frase sugestiva: "não, eu já matei o que tava me matando".

Seguindo a investida, quando o rapaz pediu desculpas por não ter tomado banho, ela respondeu: "E nem precisa, às vezes é bom sentir um cheiro de homem", indicando interesse.

"Você é uma bruaca, mesmo"

As insinuações entre Maria Bruaca e Levi não pararam e ela chegou a sair para andar de cavalo com o peão. No entanto, quando estava prestes a beijá-lo, ela desmaiou, e, assustada com a forma bruta do rapaz, decidiu reprimir seus desejos. Mais uma vez ela usou uma frase de impacto para marcar o momento.

"Você caiu do cavalo. Você foi trair ele [Tenório], um homão desses, e descobriu que nem para isso você presta, Maria. Você não nasceu para viver em pecado. Nasceu para ser o que você é, uma bruaca", refletiu.

A decisão de parar com os flertes extraconjugais durou pouco. Em um novo encontro com Levi, Maria Bruaca finalmente se rendeu aos beijos e amassos com o peão, traindo o marido pela primeira vez.

"Homem pode tudo. Só quem peca aos olhos de Deus é a mulher"

Em meio a uma conversa com a filha Guta, quando decidiu reprimir suas vontades para servir ao marido como fazia anteriormente, ao ser confrontada por estar desanimada novamente, disparou: "É assim que eu sou, uma bruaca. Uma vida inteira casada, sendo fiel, casta, para ele além de ter outra mulher, botar três filhos macho nela, nem pra isso eu vou prestar".

"E você vai continuar se submetendo? Longe de querer justificar o mal que ele te fez, ele é o único que tem que carregar as responsabilidades pelos atos dele, não você", respondeu a filha. "Que responsabilidade, filha? O bicho homem pode tudo. E nós temos que ficar lá, abanando o rabo. Só quem peca nesse mundo aos olhos de Deus é a mulher", desabafou.


José Leôncio aconselha Alcides a ir embora

Eugênio encontra Renato e Roberto à deriva e ajuda os filhos de Tenório a voltar para casa. Marcelo conta a Guta que Maria Bruaca está na fazenda de José Leôncio. José Leôncio aconselha Alcides a ir embora. Guta pede ajuda a Zuleica para convencer Tenório a deixar a mãe em paz. Guta ameaça Tenório, diante da possibilidade que ele demonstra em fazer algo contra sua mãe. Irma diz a Filó que fez os exames. Jove sugere que José Leôncio e Mariana comprem a fazenda de Tenório. Roberto questiona Zuleica depois que ela diz ao filho que se sente cúmplice de Tenório.

José Leôncio aconselha Alcides a ir embora

Eugênio encontra Renato e Roberto à deriva e ajuda os filhos de Tenório a voltar para casa. Marcelo conta a Guta que Maria Bruaca está na fazenda de José Leôncio. José Leôncio aconselha Alcides a ir embora. Guta pede ajuda a Zuleica para convencer Tenório a deixar a mãe em paz. Guta ameaça Tenório, diante da possibilidade que ele demonstra em fazer algo contra sua mãe. Irma diz a Filó que fez os exames. Jove sugere que José Leôncio e Mariana comprem a fazenda de Tenório. Roberto questiona Zuleica depois que ela diz ao filho que se sente cúmplice de Tenório.

José Leôncio aconselha Alcides a ir embora

Eugênio encontra Renato e Roberto à deriva e ajuda os filhos de Tenório a voltar para casa. Marcelo conta a Guta que Maria Bruaca está na fazenda de José Leôncio. José Leôncio aconselha Alcides a ir embora. Guta pede ajuda a Zuleica para convencer Tenório a deixar a mãe em paz. Guta ameaça Tenório, diante da possibilidade que ele demonstra em fazer algo contra sua mãe. Irma diz a Filó que fez os exames. Jove sugere que José Leôncio e Mariana comprem a fazenda de Tenório. Roberto questiona Zuleica depois que ela diz ao filho que se sente cúmplice de Tenório.

José Leôncio aconselha Alcides a ir embora

Eugênio encontra Renato e Roberto à deriva e ajuda os filhos de Tenório a voltar para casa. Marcelo conta a Guta que Maria Bruaca está na fazenda de José Leôncio. José Leôncio aconselha Alcides a ir embora. Guta pede ajuda a Zuleica para convencer Tenório a deixar a mãe em paz. Guta ameaça Tenório, diante da possibilidade que ele demonstra em fazer algo contra sua mãe. Irma diz a Filó que fez os exames. Jove sugere que José Leôncio e Mariana comprem a fazenda de Tenório. Roberto questiona Zuleica depois que ela diz ao filho que se sente cúmplice de Tenório.

José Leôncio aconselha Alcides a ir embora

Eugênio encontra Renato e Roberto à deriva e ajuda os filhos de Tenório a voltar para casa. Marcelo conta a Guta que Maria Bruaca está na fazenda de José Leôncio. José Leôncio aconselha Alcides a ir embora. Guta pede ajuda a Zuleica para convencer Tenório a deixar a mãe em paz. Guta ameaça Tenório, diante da possibilidade que ele demonstra em fazer algo contra sua mãe. Irma diz a Filó que fez os exames. Jove sugere que José Leôncio e Mariana comprem a fazenda de Tenório. Roberto questiona Zuleica depois que ela diz ao filho que se sente cúmplice de Tenório.