PUBLICIDADE
Topo

Após crise no sertanejo, Anitta ironiza Zé Neto e 'tatuagem no tororó'

De Splash, em São Paulo

29/05/2022 08h21

Depois que Zé Neto atacou Anitta por sua tatuagem íntima e dizer que ele e outros cantores sertanejos "não dependemos da Lei Rouanet", uma crise se instaurou entre os artistas do gênero, como foi relatado por Fefito, colunista de Splash.

Agora, para comentar tudo o que vem acontecendo desde comentário de Zé Neto, Anitta usou as redes sociais em tom de ironia.

Em uma publicação feita no Twitter pessoal da cantora, ela disse: "E eu achando que tava só fazendo uma tatuagem no tororó". Por volta das 8h30 o post já tinha mais de 110 mil curtidas.

Sem citar nomes, ela deixa a entender que sua pretensão inicial era apenas tatuar a região do ânus, não começar uma grande discussão sobre os cachês pagos a sertanejos em apresentações.

Na noite de ontem, a Prefeitura de Conceição do Mato Dentro (MG) anunciou que o show de Gusttavo Lima, previsto para o dia 20 de junho, com um cachê de R$ 1,2 milhão, está cancelado. Também foi adiada a apresentação da dupla Bruno e Marrone, marcada para a mesma data.

Entenda a Polêmica

Tudo começou com uma fala de Zé Neto durante um show em Sorriso, no Mato Grosso. Para exaltar o próprio sucesso e a cidade que o recebia, o cantor lançou uma provocação sobre a Lei Rouanet e sobre artistas que precisam "fazer tatuagem no toba" para mostrarem se estão bem ou mal:

Estamos aqui em Sorriso, Mato Grosso, um dos estados que sustentou o Brasil durante a pandemia. Não somos artistas que não dependemos de Lei Rouanet. Nosso cachê quem paga é o povo. A gente não precisa fazer tatuagem no 'toba' para mostrar se a gente está bem ou mal. A gente simplesmente vem aqui e canta, e o Brasil inteiro canta com a gente.

É sabido que Anitta tem uma tatuagem íntima na região do ânus — a cantora falou sobre o desenho no reality "Ilhados com Beats" e até postou um vídeo retocando a tattoo no OnlyFans.