PUBLICIDADE
Topo

Ray Liotta, ator de 'Os Bons Companheiros', morre aos 67 anos

De Splash, em São Paulo

26/05/2022 13h20Atualizada em 26/05/2022 16h08

Ray Liotta, ator conhecido pelo clássico "Os Bons Companheiros" (1990), morreu aos 67 anos enquanto dormia. Segundo o site americano Deadline ele estava na República Dominicana, onde filmava o longa "Dangerous Waters". Ainda não há mais informações sobre a causa da morte.

Com uma carreira cinematográfica de mais de quatro décadas, Liotta também esteve em sucessos como "Totalmente Selvagem" (1986), "Campo dos Sonhos" (1989) e "Cop Land" (1997).

O ator deixa a filha, Karsen Liotta, e a noiva, Jacy Nittolo, que estava na República Dominicana com ele, segundo o site The Denver Channel.

Artistas como Viola Davis e Jamie Lee Curtis lamentaram a morte do colega.

Carreira

Natural de Newark, ele nasceu em dezembro de 1954, começou a carreira televisiva no início da década de 1980.

O ator despontou após participar de "Totalmente Selvagem" (1986), o qual lhe rendeu uma indicação ao Globo de Ouro e o título de Melhor Ator pelo Boston Society of Film Critics. Depois fez parte de "Campo dos Sonhos" e "Os Bons Companheiros" (1990), seu maior sucesso, ao lado de Robert De Niro e Joe Pesci. No filme, ele interpretava o gângster Henry Hill.

O ator norte-americano também venceu um Emmy, principal prêmio da televisão dos Estados Unidos, por sua participação especial em Plantão Médico, em 2005.

Liotta tem várias produções de destaque em seu currículo, como "Corina, Uma Babá Perfeita" (1994), "Cop Land: A Cidade dos Tiras" (1997), "Hannibal" (2001), "Profissão de Risco" (2001), "Narc" (2002) e "Texas Rising" (2015). Entre 2016 e 2018, ele estrelou a série "Shades of Blue" ao lado de Jennifer Lopez.

Aos 67, o ator tinha alguns projetos em produção ou para serem lançados. Além das gravações do filme "Dangerous Waters" na República Dominicana, ele também participava da produção do filme "The Substance", ao lado de Demi Moore e Margaret Qualley, e se preparava para lançar "Cocaine Bear" em 2023.

Outro projeto inédito é a série "Blackbird", na qual vai aparecer ao lado de Taron Egerton na Apple TV+. Liotta ainda assinava a produção executiva da série documental "Five Families", que fala sobre a ascensão e a queda de famílias mafiosas de Nova York.