PUBLICIDADE
Topo

Jason Momoa impediu retirada de Amber Heard de 'Aquaman 2', diz site

Jason Momoa, protagonista de Aquaman - Reprodução/Instagram
Jason Momoa, protagonista de Aquaman Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, de Pernambuco

24/05/2022 08h40Atualizada em 24/05/2022 08h44

Na contramão da petição que pede sua saída do filme, Amber Heard, 36 anos, teve um forte apoio para permanecer na sequência de "Aquaman": o intérprete do super-herói, Jason Momoa.

De acordo com o Independent, quem revelou o fato foi a ex-produtora Kathryn Arnold, durante depoimento na batalha judicial que o ex-casal tem travado.

Segundo Kathryn, o processo de Deep (que acusa Amber de difamação) e "a campanha nas redes sociais para remover Amber de Aquaman era difamatória" e afetou diretamente a carreira da atriz.

"O mundo dela ficou em silêncio em termos de oportunidades. Mesmo as coisas em que ela queria trabalhar não estão mais disponíveis para ela", contou.

Kathryn afirmou que Amber encontrou apoio para não ser retirada da sequência de "Aquaman" porque tanto o seu colega Jason Momoa quanto o diretor do longa, James Wan, foram "irredutíveis" quanto a sua presença no longa ser mantida.

A produtora reforçou o quanto a campanha contra Amber influenciou em sua carreira.

"No público, tem sido muito negativo. Na indústria, eles gostam do trabalho dela, mas não podem trabalhar com ela agora. Porque toda vez que o nome dela é mencionado, a negatividade se acende novamente", explicou.

Na semana passada, Amber disse que seu papel em Aquaman 2 foi significativamente reduzido em meio a sua batalha com Depp.