PUBLICIDADE
Topo

Ex-mulher de André Gonçalves sobre filha: 'Cancelada, bloqueada pelo pai'

De Splash, em São Paulo

24/05/2022 17h53

A jornalista Cynthia Benini, 49, comentou sobre a ação movida contra o ex-marido, André Gonçalves, 46, em razão de uma dívida envolvendo a pensão alimentícia de Valentina, filha do casal, hoje com 19 anos.

Em entrevista ao programa "Sensacional", apresentado por Daniela Albuquerque na RedeTV!, Cynthia afirma que André foi um pai presente até a separação do casal, mas "reconstruiu a carreira e se tornou mais distante" com passar do tempo.

Ela foi cancelada pelo pai, bloqueada por ele. Se para ele dói, imagina para ela. Não é só uma questão de dinheiro.
Cynthia Benini ao programa 'Sensacional'

"Tanto o pai como a mãe têm os mesmos deveres em relação a um filho e cabe a esses dois pilares darem aos filhos educação, segurança e saúde", completou a ex-mulher do ator.

Cynthia Benini participou do "Sensacional", programa apresentado por Daniela Albuquerque - Divulgação/RedeTV! - Divulgação/RedeTV!
Cynthia Benini participou do "Sensacional", programa apresentado por Daniela Albuquerque
Imagem: Divulgação/RedeTV!

Recentemente, a jornalista "alfinetou" André Gonçalves ao destacar que ele tem condições de trabalhar.

"Ele enquanto pôde sempre cumpriu com isso, mas acho que essas responsabilidades são eternas. Esse dinheiro não é para mim, é para ela. Mas torço muito por ele, a vida se encarrega", concluiu.

A entrevista completa de Cynthia Benini vai ao ar hoje, às 22h30, na RedeTV!. O programa também mostrará uma conversa com a atriz Guta Stresser.

Entenda o caso

Em novembro do ano passado, André Gonçalves teve prisão domiciliar com uso de tornozeleira decretada devido ao não pagamento da pensão de Valentina.

Sylvio Guerra, ex-advogado do ator, informou a Splash que ele está desempregado desde 2016 e, por isso, não tem como pagar o valor, que chegou a R$ 350 mil devido aos juros.

A defesa de Cynthia Benini, por sua vez, justificou o decreto de prisão e afirmou que André recebe por obras e possui empresa no ramo de produções artísticas. O escritório de advocacia pontuou ainda que "o desemprego por si só não exime o responsável de pagar pensão aos filhos".

O artista disse ao jornal "O Globo" que tentou fazer um empréstimo de R$ 450 mil para pagar as pensões alimentícias que deve às filhas Manuela e Valentina, mas uma dívida na Receita impediu a negociação com o banco.

André ainda revelou que alguns amigos tentaram organizar uma vaquinha para ajudá-lo, mas ele recusou. Além disso, teve uma proposta como gerente de marketing que também não se concretizou. A atual companheira do ator, Danielle Winitz, se dispôs a ajudá-lo a pagar a pensão alimentícia em atraso, mas ele também não aceitou.

O advogado do ator informou a Splash que eles aguardam uma notificação da Justiça e a chegada da tornozeleira eletrônica para que André permaneça em prisão domiciliar. Ele antecipou que o ator tentará um acordo, mas que ainda não pode revelar qual por se tratar de um processo em segredo de Justiça.

Também ao "O Globo", André Gonçalves disse que vai encerrar a carreira como ator em meio à polêmica.