PUBLICIDADE
Topo

Atriz de 'Doutor Estranho' e marido são condenados por abuso sexual

Zara Phytian foi acusada de abusar de adolescente de 13 anos - Reprodução/Instagram
Zara Phytian foi acusada de abusar de adolescente de 13 anos Imagem: Reprodução/Instagram

De Splash, em São Paulo

11/05/2022 10h28

A atriz Zara Phythian, conhecida por um papel em "Doutor Estranho" (2016), foi condenada por abuso. De acordo com o Daily Star, ela e o marido, Victor Marke, foram considerados culpados de crimes sexuais que supostamente começaram quando a vítima tinha apenas 13 anos de idade.

Ainda segundo o tabloide britânico, o casal ainda não foi sentenciado, e o juiz Mark Watson decidirá se fará o anúncio amanhã ou em outra data.

De acordo com o depoimento da vítima — que não teve o nome identificado — ao tribunal de Notthingham Crown, os abusos aconteceram entre 2005 e 2008, época em que ela tinha entre 13 e 15 anos, e chegaram a ser filmados por Victor e Zara em várias ocasiões. Hoje a vítima tem 29 anos.

A moça relata uma ocasião em que, após lhe darem bebida alcoólica, a atriz do filme "Doutor Estranho" (2016) a desafiou a fazer sexo oral em seu marido. Logo na sequência, Victor teria feito sexo com ambas.

Tanto Zara Phytian quanto Victor Make negam que as acusações tenham fundamento. Vale lembrar que ele também é acusado de crimes sexuais contra uma outra mulher, que também era menor de idade à época dos fatos denunciados.

Em "Doutor Estranho", Zara Phythian faz parte de um grupo de vilões e a personagem não tem nome nos créditos, é descrita apenas como Zealot morena. Ela trabalha como atriz desde 2006 e, entre longas e curtas, é creditada em 24 produções — e também já atuou como dublê e coordenadora de dublês em outras nove produções.