PUBLICIDADE
Topo

Beijo gay censurado de 'América' estará no Globoplay?

"América" chega ao Globoplay sem o beijo gay de Bruno Gagliasso e Erom Cordeiro - TV Globo
"América" chega ao Globoplay sem o beijo gay de Bruno Gagliasso e Erom Cordeiro Imagem: TV Globo

De Splash, em São Paulo

25/04/2022 16h54

A novela "América", clássico de 2005 de Gloria Perez, chegou ao catálogo do Globoplay hoje e gerou novo alvoroço nas redes sociais: será que o público enfim verá o beijo gay entre os personagens de Bruno Gagliasso e Erom Cordeiro que foi censurado na TV?

Infelizmente, a resposta é não. Splash procurou o Globoplay para saber se a cena que chegou a ser gravada seria incluída na novela no streaming, mas o conteúdo será exatamente o mesmo transmitido originalmente na Globo. Segue comunicado:

'América' faz parte do projeto de resgate dos clássicos da dramaturgia do Globoplay. As novelas do projeto são publicadas como foram exibidas na TV Globo, em sua versão integral e original.

trhthyt - Márcio de Souza/Globo - Márcio de Souza/Globo
Erom Cordeiro e Bruno Gagliasso em América
Imagem: Márcio de Souza/Globo

Por que o beijo foi censurado?

Na época, todos esperaram ansiosos pelo último capítulo da novela, no qual Júnior (Bruno Gagliasso) enfim beijaria o peão Zeca (Erom Cordeiro). A cena foi gravada em pelo menos sete takes, mas o resultado final nunca foi ao ar, diante do receio da rejeição do público.

"A gente criou uma expectativa, estávamos torcendo para que isso acontecesse. Eu como artista, e sendo gay, colocar isso na roda seria incrível", relembrou Erom, em entrevista ao especial "Orgulho na Tela" do Globoplay, lançado no ano passado.

"Foi climão. Toda a novela estava na expectativa. Foram colocados telões nas ruas… Foi difícil. Demorou para cacete para isso acontecer", lamentou Bruno no "Lasy Night" em 2018.

Um beijo gay só viria a ser exibido em uma novela da Globo em 2014, 9 anos depois de "América", na novela "Amor à Vida" de Walcyr Carrasco.

De acordo com as informações do especial "Orgulho na Tela", todas as cenas não utilizadas nas produções da Globo são deletadas dos arquivos da emissora. Logo, o beijo foi gravado, mas nunca será visto.

"A repercussão de não ter tido o beijo gay foi muito grande. As pessoas ficaram indignadas. E eu fui bem criticada por isso, como se tivesse alguma coisa a ver. A verdade é que eu também fiquei muito triste", concluiu a autora Gloria Perez.