PUBLICIDADE
Topo

Johnny Depp revela incômodo de Amber Heard sobre tatuagem para Winona Ryder

Amber Heard acusa o ex-marido, Johnny Depp, de agressão - Reprodução / Internet
Amber Heard acusa o ex-marido, Johnny Depp, de agressão Imagem: Reprodução / Internet

Colaboração para Splash, em São Paulo

20/04/2022 15h53Atualizada em 20/04/2022 15h53

O ator Johnny Depp revelou no sexto dia de julgamento do seu caso de difamação contra Amber Heard que a atriz se incomodava com sua tatuagem para a ex-namorada Winona Ryder.

Ao ser questionado sobre ter agredido a ex-mulher devido a um comentário sobre uma de suas modificações corporais, ele negou e explicou: "Isso não aconteceu. Nunca bati na senhorita Heard. Nunca bati numa mulher na minha vida. Eu certamente não vou bater numa mulher porque ela tirou sarro de uma tatuagem que tenho no meu corpo", iniciou.

"Sempre pensei no meu corpo como um diário de minhas experiências de vida. Quando minha primeira filha nasceu, tatuei seu nome sobre meu coração", continuou sobre a filha Lily-Rose Depp com a ex-parceira Vanessa Paradis.

Após o relato, Depp foi perguntado sobre incômodo de Heard sobre suas tatuagens. ""Tinha uma aqui [no meu braço] que dizia: 'Winona Forever' [Winona para sempre]. Era uma antiga namorada. Ficamos juntos por alguns anos. A Winona Ryder. Quando terminamos, tive que consertar isso. Eu voltei para reescrever meu 'diário', de certa forma. Tirei as últimas letras para ficar 'Wino forever'", contou.

"Ela me encorajava muito a fazer uma tatuagem dela, do seu nome, ou algo do tipo. Eu esperei um pouco e o fiz. Fiz uma tatuagem... Ironicamente, não foi muito depois das coisas começarem a ir mal. Eu estava fazendo de tudo para trazer um sorriso ao rosto dela", finalizou.