PUBLICIDADE
Topo

Pamela Anderson, Tommy Lee e a história da sex tape mais famosa do mundo

Tommy Lee e Pamela Anderson - Shutterstock
Tommy Lee e Pamela Anderson Imagem: Shutterstock

Laysa Zanetti

De Splash, em São Paulo

31/01/2022 04h00

Um dos relacionamentos mais conturbados e memoráveis da década de 1990 está prestes a ganhar as telas do streaming e surpreender uma nova geração. A série "Pam & Tommy", que conta a história de Pamela Anderson e Tommy Lee, chega ao Star+ na próxima terça-feira, dia 2 de fevereiro.

Mas você sabe como eles se tornaram os protagonistas da primeira grande 'sex tape' a circular na internet?

Pam e Tommy conheceram-se em uma festa de Reveillón na virada para 1995, na boate Sanctuary, em Beverly Hills. Pamela, então estrela do seriado "S.O.S. Malibu" que corria em câmera lenta pelas areias da praia com um maiô vermelho cavado, era uma das sócias do clube. Tommy Lee, baterista da banda Mötley Crüe que carregava consigo uma fama de excessos, passava a virada de ano no local.

Chapado de ecstasy, a Joan Rivers fica parecendo a Pamela Anderson, então imagine como a Pamela Anderson deve parecer.
Tommy Lee, no livro de memórias 'Tommyland'

Pamela Anderson ficou famosa ao correr em câmera lenta com um maiô vermelho asa-delta em "Baywatch" - Reprodução - Reprodução
Pamela Anderson ficou famosa ao correr em câmera lenta com um maiô vermelho asa-delta em "Baywatch"
Imagem: Reprodução

Na tal festa, Pamela deu seu telefone para Tommy, e no mês seguinte ele a seguiu até Cancún, para onde ela viajou a trabalho.

Posteriormente, ele descreveu suas ações como as de um stalkeador. "Eu liguei para o hotel a cada 5 minutos, até que eles começaram a sentir dó de mim (...) Eu a caçava como um perseguidor."

Mesmo assim, ele foi até ela no hotel Ritz-Carlton, onde eles se encontraram pessoalmente pela segunda vez. Depois de 72 horas de festas, ele fez a proposta, e os dois estavam casados no dia seguinte, em 19 de fevereiro.

O vazamento da fita

Seth Rogen é Rand Gauthier em "Pam & Tommy" (2022) - Star+/Divulgação - Star+/Divulgação
Seth Rogen é Rand Gauthier em "Pam & Tommy" (2022)
Imagem: Star+/Divulgação

O jeito impulsivo e excessivo do casal logo conquistou a mídia, sobretudo os tabloides. O mundo rapidamente pareceu ter se rendido aos encantos da dupla: um astro do rock e um símbolo sexual saído diretamente da Playboy. Radicais, bonitos e apaixonados, eles pareciam o casal perfeito.

Mas as impulsividades e a fama não ficaram apenas nas páginas das revistas.

Pam e Tommy começaram a vida a dois em Malibu, na mansão que ele já possuía. O construtor Rand Gauthier começou a trabalhar na reforma da propriedade e foi testemunha do estilo de vida luxuoso que os dois levavam.

Depois que Gauthier terminou seus trabalhos, teve o pagamento negado por Lee. O baterista alegava que o serviço não havia sido feito de forma correta, e se recusou a arcar com o pagamento de US$ 20 mil.

O eletricista acabou ficando motivado a se vingar quando, ao retornar para a propriedade para recolher seus pertences, foi confrontado por Tommy com uma arma, exigindo que ele saísse do local. Então, Rand teve a ideia de roubar o cofre que ficava na garagem, e continha as armas de Tommy e joias de Pamela.

Mas o que ele não sabia é que não era só isso.

Lily James e Sebastian Stan estrelam "Pam & Tommy" - Star+/Divulgação - Star+/Divulgação
Lily James e Sebastian Stan estrelam "Pam & Tommy"
Imagem: Star+/Divulgação

O cofre também continha uma fita em VHS com vários momentos íntimos do casal — a infame fita pornô amadora que tomou conta da internet em seus primórdios.

Em entrevista concedida à revista Rolling Stone estadunidense em 2014, Gauthier contou que ter uma arma apontada contra sua cabeça o fez sentir-se pequeno. Mesmo assim, ele acredita ter sedimentado a carreira de Tommy Lee ao divulgar a fita que tinha em mãos.

A fita continha momentos de intimidade do casal durante a lua de mel e, segundo Pamela descreveu em 2020 no programa "Watch What Happens Live with Andy Cohen", "um compilado das férias em que eles estavam nus".

Sabendo do potencial do que tinha em mãos, Rand levou a fita até um estúdio pornô chamado North Hollywood, e assistiu ao conteúdo junto ao proprietário. "Os cifrões de dólares saltaram aos nossos olhos", contou à Rolling Stone. "Mas pensamos: pessoas morrem por causa desse tipo de coisa."

Gauthier então levou a fita para Milton Ingley, o "Uncle Miltie", dono de um estúdio pornográfico que o eletricista já conhecia. Ingley fez cópias da fita original, que foi destruída, e eles tentaram encontrar um distribuidor.

Nick Offerman interpreta Uncle Miltie em "Pam & Tommy" - Star+/Divulgação - Star+/Divulgação
Nick Offerman interpreta Uncle Miltie em "Pam & Tommy"
Imagem: Star+/Divulgação

A dupla abordou algumas companhias na tentativa de fazer a fita circular, mas ninguém queria se envolver com o material roubado e que poderia gerar processos de milhões de dólares.

Finalmente, Gauthier encontrou Louis Peraino, o "Butchie", que emprestou US$ 50 mil para a dupla para cobrir a distribuição da fita pela internet, na promessa de receber parte dos lucros.

Naquele ponto, 25 milhões de casas nos Estados Unidos tinham internet, e 40 milhões no mundo todo. YouTube não existia, sequer qualquer versão primitiva de serviço de streaming.

Como a fita era comercializada?

Lily James em cartaz individual de "Pam & Tommy" - Divulgação - Divulgação
Lily James em cartaz individual de "Pam & Tommy"
Imagem: Divulgação
Sebastian Stan no cartaz individual de "Pam & Tommy" - Divulgação - Divulgação
Sebastian Stan no cartaz individual de "Pam & Tommy"
Imagem: Divulgação

Ingley usou o dinheiro para criar vários sites, como pamsex.com, pamlee.com ou pamsextape.com. Os endereços continham instruções para que as pessoas transferissem dinheiro para uma conta, para que as fitas fossem enviadas.

Levou dois anos para que a fita fosse de algo às escondidas para um viral e, quando isso aconteceu, ela gerou aproximadamente US$ 77 milhões em menos de um ano, apenas em vendas legítimas.

O processo

Pam e Tommy - S. Granitz/WireImage - S. Granitz/WireImage
Pamela Anderson e Tommy Lee, em 1995
Imagem: S. Granitz/WireImage

Demorou um pouco para que Pamela e Tommy notassem o sumiço do cofre. Na verdade, eles só perceberam isso em janeiro de 1996, e contrataram um investigador, Anthony Pellicano.

A dupla, que detinha os direitos de copyright da fita (já que havia sido registrada apenas por ambos), tentou processar várias frentes e impedir a disseminação das cópias, mas acabou sendo em vão. O próprio Gauthier lucrou pouco com o material que roubou, já que a fita foi pirateada inúmeras vezes.

Sebastian Stan e Lily James serão Tommy Lee e Pamela Anderson em "Pam and Tommy" - Divulgação - Divulgação
Sebastian Stan e Lily James serão Tommy Lee e Pamela Anderson em "Pam & Tommy"
Imagem: Divulgação

Mais tarde, em 1997, Pamela e Tommy processaram a Internet Entertainment Group. Isso resultou em um acordo firmado em 2002. Mas, assim que o caso ficou decidido, a fita passou a ser distribuída gratuitamente na internet mais uma vez — para que não gerasse mais dinheiro para ninguém.

Agora, a história vira uma série, que se baseia no artigo escrito pela jornalista Amanda Chicago Lewis para a Rolling Stone, em 2014. Além de Sebastian Stan e Lily James, a atração conta com Nick Offerman ("Parks & Recreation") e Taylor Schilling ("Orange Is the New Black") no elenco.