PUBLICIDADE
Topo

Alec Baldwin detona Clooney por falar de acidente em Rust: 'Ajudou em nada'

Alec Baldwin criticou George Clooney por comentários vazios sobre Rust - Getty Images
Alec Baldwin criticou George Clooney por comentários vazios sobre Rust Imagem: Getty Images

Colaboração para Splash, em São Paulo

05/12/2021 17h51

Alec Baldwin, de 63 anos, reprovou os comentários de George Clooney, 60, a respeito do seu tiro acidental que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins, nos bastidores do filme "Rust".

Em entrevista ao "Good Morning America", da ABC News, o ator afirmou que as declarações de Clonney "realmente não ajudaram em nada" e classificou a atitude do colega de profissão como de quem está perdido no assunto.

Bem, muitas pessoas acharam necessário contribuir com alguns comentários sobre a situação, o que realmente não ajudou em nada a situação.

Baldwin ainda destacou que quando recebeu a arma confiou na pessoa responsável para lhe trazer o equipamento para a gravação.

Se o seu protocolo é que você verifica a arma o tempo todo, bom para você. Bom para você, Meu protocolo era confiar na pessoa que tinha o trabalho. E funcionou até este ponto.

Na entrevista, Baldwin também negou ter puxado o gatilho da arma. "Ela estava próxima à câmera, olhando para um monitor, me guiando sobre o ângulo em que eu deveria segurar a arma. A arma não deveria ser disparada daquele ângulo. Estou segurando a arma onde me mandaram, que era bem abaixo do braço dela. Um ângulo que poderia nem ser filmado. Puxei o cão [do revólver] o máximo que eu podia sem engatilhar a arma. [Quando] eu solto o cão e 'bang', a arma dispara", explicou.

O que George Clooney disse?

Em entrevista ao podcast "WTF", Clonney opinou nunca ter visto os relatos sobre o que aconteceu nos bastidores do acidente e declarou Alec Baldwin deveria ter averiguado se a arma estava carregada.

"Não conheço o Alec tão bem assim. Tenho lido as notícias e já decidiram que o errado da história é o assistente de realização [David Halls]. Mas, durante os 40 anos que tenho estado nos sets, a pessoa responsável pela arma foi a pessoa dos adereços ou o armeiro, ponto final", destacou.

"Nunca ouvi o termo arma fria. Literalmente, eles estão falando sobre coisas das quais nunca ouvi falar. É simplesmente irritante. Sempre que recebo um revólver [com uma câmara de seis cartuchos], aponta-se para o chão e dispara-se. Seis vezes. Sempre", completou.