PUBLICIDADE
Topo

Repórter da Record revela luta contra Parkinson e tratamento experimental

André Tal falou publicamente sobre o Parkinson pela primeira vez - Reprodução: RecordTV
André Tal falou publicamente sobre o Parkinson pela primeira vez Imagem: Reprodução: RecordTV

Colaboração para Splash, em Alagoas

02/12/2021 19h52

O jornalista André Tal, de 43 anos, repórter da RecordTV, revelou que trava uma luta contra o Parkinson, doença que provoca a degeneração progressiva dos neurônios responsáveis por sintetizar a dopamina, causando prejuízos aos movimentos do corpo.

Tal abordará o assunto durante o programa "Domingo Espetacular" deste domingo (5), quando explicará o tratamento experimental ao qual ele se submeteu para tratar a doença.

"A partir de agora vou quebrar o silêncio sobre algo que há anos eu tenho tantado esconder", diz o repórter em uma prévia da entrevista veiculada pela Record.

André Tal tem realizado o tratamento em Miami, nos Estados Unidos, onde é acompanhado pelo médico brasileiro Marc Abreu. A terapia consiste em conter a progressão do Parkinson e restaurar os movimentos afetados pela doença, um procedimento aprovada pela FDA, órgão de governo dos Estados Unidos responsável pela aprovação de testes e pesquisas relacionadas à saúde.

O primeiro contato entre o jornalista e o médico aconteceu em setembro, quando Tal entrevistou Abreu para o programa "JR Mundo". Na ocasião, ele não revelou ser portador do Parkinson.

Contratado da RecordTV desde 2006, André Tal é responsável por produzir reportagens especiais e apresentar alguns programas na Record News. Na emissora, ele já foi correspondente internacional em Nova York, e cobriu eventos como os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo.