PUBLICIDADE
Topo

Danni Suzuki explica por que saiu da Globo: 'Jogada de um lado para outro'

Danni Suzuki perdeu papel principal da novela "Sol Nascente" - Reprodução/Instagram
Danni Suzuki perdeu papel principal da novela 'Sol Nascente' Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash

01/12/2021 13h17

A atriz Danni Suzuki, 44 anos, é uma das atrações da edição desta semana do programa "Salada Sato", apresentado por Sabrina Sato, 40, em seu canal oficial no YouTube.

No episódio, que estreia hoje às 20h, a eterna Miyuki de "Malhação" (2003-2005) discutiu preconceito amarelo com Sabrina e seus demais convidados e falou sobre um assunto que até hoje dá o que falar: sua saída da TV Globo, em 2016.

Danni admitiu que a decisão de deixar a emissora tem tudo a ver com o fato de ter perdido para Giovanna Antonelli o papel principal da novela "Sol Nascente", produzida e exibida no mesmo ano.

"Achei desrespeitoso na época pelo fato de a novela ter sido escrita para mim. Era a história da minha família, baseada na minha vida. Senti que não tinha mais espaço. Talvez o canal não via as coisas como eu via", desabafou a atriz.

"Resolvi sair porque senti que a minha vida iria ser isso ali, iria ficar sendo jogada de um lado para o outro... Tenho uma gigante gratidão, foi minha casa durante muitos anos, mas para eu crescer profissionalmente precisei sair", resume.

Segundo Danni, o pouco espaço conferido na televisão para atores de origem asiática é um problema que ela e outros intérpretes enfrentam desde sempre.

"Minha família dizia 'Para com essa história de ser atriz, não tem japonês na televisão, vai fazer outra coisa'. Durante esses anos foi uma luta sempre, inclusive para me manter. Sempre fui encorajada a desistir e até hoje escuto esse tipo coisa, por mais que eu tenha tido uma carreira de 20 anos na Globo", queixa-se.

O novo episódio do "Salada Sato" conta também com a participação do escritor Ricky Hiraoka, e da empreendedora Iana Chan, da atriz Bruna Aiiso e do diretor de eventos Mauro Sousa, filho do cartunista Maurício de Sousa.