PUBLICIDADE
Topo

Maria Lina responde a pergunta 'maldosa' sobre seu trabalho como influencer

Maria Lina responde a pergunta capciosa sobre seu trabalho - Reprodução/Instagram
Maria Lina responde a pergunta capciosa sobre seu trabalho Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, em São Paulo

30/11/2021 15h31Atualizada em 30/11/2021 15h31

Maria Lina, ex-noiva de Whindersson Nunes, respondeu a um comentário maldoso feito em uma caixa de perguntas que ela abriu em suas redes sociais para interagir com seus seguidores.

Entre os vários questionamentos que ela recebeu, um deles acabou sendo rebatido de forma veemente, já que Maria Lina vem trabalhando como influencer nos últimos meses. "Você trabalha com o que para ter esse apartamento e aquele que mora em São Paulo?", perguntou a pessoa.

"Pergunta repleta de maldade e segundas intenções. Eu e muitas pessoas trabalhamos com a internet, um ambiente um pouco diferente do convencional, oportunidades maiores, mas ainda sim é um trabalho... Muitos pagam com a saúde mental para estar aqui", iniciou Maria Lina em sua resposta.

Ela prosseguiu: Eu ainda estou no começo, trabalho com isso há menos de 6 meses, tenho muito a aprender e respeito muito quem dedica a vida a trabalhar com isso aqui. Vocês não sabem o tanto de absurdo que as pessoas nos dizem, vocês não sabem o tanto que a cabeça fica mexida com tudo que se passa por trás das telas. Meu máximo respeito a todos os profissionais da internet", finalizou.

Recentemente, ela desabafou sobre como se sente após o fim do relacionamento com o humorista Whindersson Nunes. A jovem disse que não há como esquecer quem foi muito importante. O casal se separou em agosto deste ano, três meses depois de perderem o filho João Miguel. O bebê nasceu prematuro e não sobreviveu.

Em seu Instagram, a jovem respondeu a uma série de perguntas de seguidores, entre elas se ainda gosta do seu ex ou já o esqueceu.

"Nunca se esquece de quem foi importante para gente. Se você esquece de quem te fez muito bem um dia, você é ingrato. Eu, pelo contrário, sou muito GRATA por tudo que construímos e pelo nosso maior presente, nosso filho", escreveu Maria.

Ela também disse que foi uma sensação de alívio descobrir a trombofilia (condição com maior facilidade de formação de coágulos de sangue, aumentando o risco de problemas graves como trombose venosa, AVC ou embolia pulmonar, por exemplo). "Quando eu perdi o João, fiquei muito tempo desesperada atrás de respostas. Hoje, eu já a tenho e sei que em uma próxima gestação vou conseguir evitar isso", disse Maria.

Ela também contou em uma das perguntas que o seu bebê chegou a ser registrado. A jovem disse que o nome do filho era João Miguel Nunes Deggan.