PUBLICIDADE
Topo

Pai de Anitta critica deputado que ofendeu cantora por show na Libertadores

Mauro Machado, o Painitto, com Anitta no Maracanã - Reprodução / Instagram
Mauro Machado, o Painitto, com Anitta no Maracanã Imagem: Reprodução / Instagram

Colaboração para Splash, em São Paulo

29/11/2021 08h53Atualizada em 29/11/2021 08h56

Mauro Machado, o pai de Anitta, rebateu os comentários do deputado federal Bruno Engler (PRTB-MG), que ofendeu a cantora durante a participação dela na final da Copa Libertadores em Montevidéu, no Uruguai, realizada no último fim de semana.

Na ocasião, o político criticou a presença da funkeira e a sua apresentação. "Milhares de crianças assistindo a final da Copa Libertadores, 17 horas, e o lixo brasileiro mostrando o rabo em rede mundial. Vergonha surreal", escreveu ele, citando o perfil de Anitta. Pelo Instagram, o "Painitto" não deixou barato e respondeu ao deputado.

"Além de mal-educado e desnecessário, é pré-histórico. Apenas para o deputado (não vou citar o nome para não dar visibilidade), as praias do mundo inteiro são frequentadas por crianças e lá se usam biquínis e maiôs. As praias de Cabo Frio são invadidas pelos mineiros", começou ele, citando o estado onde Engler nasceu e se elegeu.

Então, prosseguiu: "Só citei os mineiros para mostrar aos eleitores que esse deputado foi eleito pelo estado de Minas Gerais. Meu pai e minha mãe são mineiros e a minha família é toda de lá. Amamos as invasões dos mineiros aqui em Cabo Frio porque são pessoas festeiras e felizes. O que seria de Cabo Frio sem os mineiros!", frisou.