PUBLICIDADE
Topo

Herdeiros de Dom Pedro lançam nota de repúdio a 'Nos Tempos do Imperador'

Colaboração para Splash

28/10/2021 13h18Atualizada em 28/10/2021 16h47

A Globo acabou, sem querer, comprando uma briga com os herdeiros da antiga família real brasileira. Insatisfeitos com a forma como Dom Pedro 2º vem sendo retratado na novela de época "Nos Tempos do Imperador", descendentes do monarca lançaram ontem uma nota de repúdio ao folhetim das 18h.

O comunicado foi divulgado pelas redes sociais do Pró Monarquia, grupo que reúne simpatizantes do sistema de governo abolido por aqui em 1889, e acusa a Globo de usar a novela para promover "ataques contra a honra" de Dom Pedro.

"Dom Pedro 2º foi o nosso melhor chefe de estado, cuja boa obra na condução dos destinos públicos do Brasil, ao longo de quase meio século de reinado pessoal, faz-se sentir até os dias de hoje. Senhor de costumes privados sabidamente ilibados, o Imperador foi também um pai de família modelar, coluna do lar, protetor suave e varonil dos seus", diz a nota.

"A Globo vem promovendo sistematicamente, nas últimas décadas, uma verdadeira revolução cultural, caracterizada pela desconstrução dos padrões tradicionais, a promoção da extravagância, da amoralidade e da cultura do caos, e denegrindo sistematicamente a nossa Nação. O povo brasileiro (...) rejeita as investidas mentirosas contra a sua memória. Não surpreende, pois, a novela estar registrando índices de audiência fraquíssimos, para a grande consternação da emissora, conforme tem sido noticiado na imprensa", conclui a manifestação.

Na trama de "Nos Tempos do Imperador", Dom Pedro 2º é interpretado por Selton Mello e retratado como um governante de ideais progressistas e abolicionistas. Há também, no entanto, um destaque à relação extraconjugal do imperador com a condessa de Barral (Mariana Ximenes), entrecho corroborado por alguns historiadores.