PUBLICIDADE
Topo

Fábio Assunção lembra papéis com Gilberto Braga: 'Parte da minha vida'

Fábio Assunção atuou em "Celebridades", em 2003, novela de Gilberto Braga - Reprodução/TV Globo
Fábio Assunção atuou em 'Celebridades', em 2003, novela de Gilberto Braga Imagem: Reprodução/TV Globo

De Splash, em São Paulo

27/10/2021 11h56Atualizada em 27/10/2021 11h56

O ator Fábio Assunção lamentou a morte de Gilberto Braga aos 75 anos e lembrou seus personagens em algumas obras do autor, como em "Celebridades" com o ambicioso Renato Mendes.

Fábio afirmou ao "Encontro com Fátima Bernardes" que Gilberto Braga escrevia apenas para novelas e que, com o passar dos anos, ele concretizou a maneira de criar teledramaturgias no Brasil.

Fui em 94 [fazer] 'Pátria Minha', construí com ele parte da minha vida. Durante quase 15 anos tudo que o Gilberto produziu ele me convidou. Pego 10, 15 anos da minha vida que o Gilberto marcou profundamente. Os colegas que eram a turma do Gilberto, ele gostava de trabalhar. Ele tem uma importância ao Brasil. Gilberto escrevia especialmente para as novelas, foi tão relevante que ele inventou essa maneira de escrever novela e se comunicar com a população brasileira. Fábio Assunção

Além de "Pátria Minha", Fábio trabalhou em "Celebridades", "Paraíso Tropical" e outras obras com Gilberto. Ele disse que os atores não costumavam alterar os textos entregues por Braga devido à sua qualidade e respeito ao autor.

O ator exaltou a abordagem de assuntos que hoje já estão sendo mais discutidos nas novelas de Braga.

Em 'Água Viva' discutia uso da maconha, em 'Brilhante' o amor entre pessoas do mesmo sexo. Muito relevantes para a cultura brasileira. Estava sempre falando de temas. 'Celebridade' falamos sobre a força da imprensa ligada a celebridades tinha. Era o início das fake news. Outros mais profundos. Sempre era um observador do mundo que estava vivendo e trazia para as novelas. Fábio Assunção

Relembre as obras marcantes do autor Gilberto Braga