PUBLICIDADE
Topo

Armeira de 'Rust' pagou R$ 278 mil por amigo morto em acidente

Colaboração para Splash, no Rio de Janeiro

27/10/2021 09h54

Hannah Gutierrez-Reed voltou a ter seu nome envolvido em histórias controversas e trágicas. A responsável pelas armas do set de "Rust", onde ocorreu a tragédia envolvendo Alec Baldwin e a diretor Halyna Hutchins, precisou pagar uma quantia de indenização pela morte de um amigo em um acidente.

De acordo com informações do site TMZ, a armeira pagou US$ 50 mil (cerca de R$ 278,3 mil) para indenizar a família de Tyler Dyer, amigo de Reed. Os familiares relataram que o jovem estava em uma festa antes do acidente fatal e teria bebido de quatro a cinco cervejas antes de sair pilotando uma moto emprestada por Reed.

Tyler saiu acompanhado de Aaron Butcher, namorado da armeira, que cumpria liberdade condicional por direção sob o efeito de substâncias. Portanto, só tinha permissão para dirigir veículos com um bafômetro acoplado à ignição - dispositivo que não estava conectado à motocicleta de Hannah.

Segundo os policiais, Tyler estava indo rápido demais quando fez uma curva e bateu com a moto em uma parede. O rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu, enquanto Aaron foi preso. Como havia emprestado o veículo, Hannah precisou indenizar a família da vítima com US$ 50 mil para não ser processada.

Despejada

Com a investigação para apontar os culpados pelo tiro efetuado por Alec Baldwin e que tirou a vida de Halyna, além de ter atingido também o diretor do longa, Joel Souza, Hannah ainda enfrenta outra situação pessoal.

A proprietária da residência que a armeira mora exige que ela deixe o local "Eu a quero fora. Eu lhe disse que ela tem que ir", revelou a mulher, que não quis ser identificada, ao site Fox News. "É apenas um lugar pequeno, não é um palácio", detalha um vizinho de Hannah sobre a casa.