PUBLICIDADE
Topo

Diddy coloca mansão, onde ex foi encontrada morta, à venda por R$ 39 mi

Rapper comprou mansão em 2009 por U$ 5,3 milhões - Reprodução/Facebook
Rapper comprou mansão em 2009 por U$ 5,3 milhões Imagem: Reprodução/Facebook

Colaboração para Splash, em São Paulo

26/10/2021 16h03Atualizada em 26/10/2021 16h09

Diddy colocou mansão em Los Angeles à venda três anos após sua ex-namorada, Kim Porter, ser encontrada morta na propriedade. De acordo com o New York Post, o rapper listou a casa por U$ 7 milhões, o equivalente a R$ 39 milhões.

Localizada em uma das ruas mais renomadas do bairro de Toluca Lake, em Los Angeles, a propriedade tem outros vizinhos famosos, como Viola Davis, Steve Carell, Billy Ray Cyrus e Sia.

Construída em 2006, a mansão foi comprada por Diddy em 2009 por U$ 5,3 milhões. Ela possui 891 metros quadrados. Além disso, tem seis quartos, sete banheiros, uma cozinha ampla e uma entrada de dois andares.

Mansão colocada à venda

Modelo encontrada morta em 2018

Kim Porter tinha 47 anos quando foi encontrada morta da propriedade de San Fernando Valley em 2018. A modelo estava tratando uma gripe severa que acabou se tornando uma pneumonia, teve um parada cardíaca e não resistiu.

Sean "Diddy" Combs e Kim Porter tiveram um relacionamento de idas e vindas. Juntos, eles tiveram três filhos, Christian e as gêmeas Jessie James e D'Lila. O rapper também criou outros três filhos da modelo, Quincy, Justin e Chance.