PUBLICIDADE
Topo

Família decide não fazer funeral para Brian Laundrie, noivo de Gabby Petito

Gabby Petito com o noivo, Brian Laundrie - Instagram/gabspetito - Instagram/gabspetito
Gabby Petito com o noivo, Brian Laundrie - Instagram/gabspetito Imagem: Instagram/gabspetito

De Splash

24/10/2021 20h35

A família de Brian Laundrie afirmou que não fará um velório para o noivo da influenciadora Gabby Petito, assassinada em setembro nos Estados Unidos.

Quase um mês depois, FBI confirmou na quinta-feira (21) que restos mortais encontrados em floresta são de Brian — o principal suspeito do crime.

De acordo com o advogado Steve Bertolino, a família Laudrie afirmou que o jovem será cremado assim que o corpo for liberado pelas autoridades federais norte-americanas.

As cinzas serão entregues diretamente aos pais dele, Christopher e Roberta.

Relembre o caso

Gabby Petito sumiu após iniciar uma viagem com o noivo, Brian Laundrie, que planejava passar por parques nacionais. A travessia começou em junho, quando deixaram a Flórida. A influenciadora digital morou com o noivo por um ano antes de iniciarem o trajeto pelos EUA. Eles chegaram a Utah durante o mês de julho.

Duas semanas antes do desaparecimento de Petito, em 12 de agosto, a polícia da cidade de Moab, em Utah, foi chamada para um possível incidente de violência doméstica envolvendo ela e o noivo, Brian Laundrie.

Imagens da câmera corporal de um agente foram divulgadas, mostrando Petito chorando e reclamando da saúde mental para os agentes. Segundo ela, o casal vinha discutindo com mais frequência.

A corte federal de Wyoming emitiu um mandado de prisão contra ele no final de setembro.

O jornal Daily Mail informou que, segundo os investigadores, Laundrie era procurado por "uso de dispositivo de acesso não autorizado". Ele teria utilizado um cartão de crédito de Gabby entre 30 de agosto e 1º de setembro, período em que ela já estava desaparecida.