PUBLICIDADE
Topo

Amazon celebra Xuxa em Caravana das Drags: 'É sobre cultura de resistência'

Xuxa e Ikaro Kadoshi para "Caravana das Drags" - Divulgação
Xuxa e Ikaro Kadoshi para "Caravana das Drags" Imagem: Divulgação

Laysa Zanetti

De Splash, em São Paulo

24/10/2021 04h00

Quando começaram a circular rumores sobre Xuxa apresentar uma versão brasileira do reality "RuPaul's Drag Race", as reações na internet se dividiram entre quem celebrasse e quem condenasse a (suposta) escolha. Mas, apesar de imprecisa, a história não estava completamente errada: o reality que Xuxa irá apresentar é outro, e para a Amazon Prime Video.

Em "Caravana das Drags", a rainha dos baixinhos surgirá ao lado de Ikaro Kadoshi, que já apresenta o "Drag Me As a Queen" no Canal E!, e brilhou apresentando o Miss Universo 2020 na TNT. Segundo comunicado oficial, o programa seguirá artistas drags de todo o país, que irão viajar pelo Brasil enfrentando desafios inspirados nas tradições de cada local, em busca do título de "Drag Suprema".

Xuxa Meneghel - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Xuxa Meneghel
Imagem: Reprodução/Instagram

Para Malu Miranda, head de conteúdo original para o Brasil do Amazon Studios, a aposta é motivo de celebração. Criado originalmente para a plataforma por Tatiana Issa e Guto Barra, o programa visa abrir espaços para a diversidade.

O que eu amo deste projeto é a possibilidade celebrar a diversidade, e fazer isso de maneira genuina e autêntica. É entretenimento, alegria e aquela coisa 'feel good', mas também é sobre cultura de resistência.

A drag queen Ikaro Kadoshi - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
A drag queen Ikaro Kadoshi
Imagem: Reprodução/Instagram

A escolha dos apresentadores, segundo Miranda, é a continuação de trabalhos que vêm dando certo. Por isso, ela está tranquila quanto à participação de Xuxa.

"Acho que [ela] vem celebrando a diversidade de muitas formas ao longo de sua carreira. Então, ela pode trazer um outro aspecto para o show. Já o Ikaro está imerso na cultura drag e é uma pessoa realmente iluminada. Como coapresentadores, eles vão arrasar."

'Obcecada pelo consumidor'

Malu Miranda com Lázaro Ramos e Ingrid Guimarães - Rafa Cusato/Amazon - Rafa Cusato/Amazon
Malu Miranda com Lázaro Ramos e Ingrid Guimarães
Imagem: Rafa Cusato/Amazon

Depois de trabalhar como assistente de direção e produtora em grandes projetos nacionais e internacionais (vivendo e trabalhando entre Brasil, Europa e Estados Unidos), Malu começou sua carreira na Amazon Studios em 2019. Hoje, leva à frente a visão pregada pela plataforma: pensar sempre no que o consumidor quer.

Nesse momento, o que estamos buscando são produções que tenham um caráter de ineditismo, que as pessoas vejam e pensem 'Caramba, nunca vi isso antes'. Não queremos fazer mais do mesmo. Se não, por que alguém gostaria de permanecer como assinante do Prime Video?

Por isso, os acordos de produção recentemente assinados com Lázaro Ramos e Ingrid Guimarães seguem essa exata lógica. Malu explica que ambos, por serem considerados talentos brasileiros populares e versáteis, têm muito a acrescentar e podem atrair novos assinantes para o streaming.

"Quando eu penso em como aumentar o alcance do Prime Video no Brasil, começamos a procurar contadores de histórias, pessoas que têm uma marca pré-feita mas que têm muitas possibilidades. Então, o Lázaro é incrível. Multifacetado, engraçado e uma pessoa que é muito próxima de quem o consome. Dá vontade de ser melhor amigo e tomar uma cerveja com ele. E a Ingrid é muito parecida nesse lugar."

Alfred Enoch e Tais Araujo em cena de 'Medida Provisória' - Divulgação - Divulgação
Alfred Enoch e Tais Araujo em cena de 'Medida Provisória'
Imagem: Divulgação

Com "Medida Provisória", Lázaro faz sua estreia como cineasta, dirigindo Taís Araújo, Seu Jorge e Alfred Enoch (de "Harry Potter" e "How To Get Away With Murder") em um suspense político que se passa em um Brasil do futuro.

"O Lázaro é muito próximo aos seus e, ao mesmo tempo, tem uma marca e muita inteligência para criar. Além de ter o peso da dramaturgia, ele tem o outro lado de ser um cara muito engraçado e ser de fora do eixo. Isso, para nós, é muito bacana porque ele tem um alcance enorme e é um artista 360."

"Com a Ingrid, é a mesma coisa", continua. "Ela tem uma trajetória no cinema especificamente que a torna a rainha da bilheteria, e isso também é muito porque ela tem essa característica de ser próxima ao consumidor e se relacionar com as pessoas de uma maneira muito amigável. Nesse sentido, é esse o tipo de artista que estamos buscando."