PUBLICIDADE
Topo

Ator que viveu Daniel do caso Richthofen tirou até foto da 'cena do crime'

Fernanda Talarico

De Splash, em São Paulo

30/09/2021 04h00

Os filmes "A Menina Que Matou Os Pais" e "O Menino Que Matou Meus Pais" vêm chamando a atenção do público ao retratar o brutal assassinato dos pais de Suzane von Richthofen, crime arquitetado pela garota junto com o namorado Daniel Cravinhos e o cunhado, Cristian Cravinhos. Além da história, contada por diferentes pontos de vista, outro fator tem causado comoção entre os espectadores: as atuações, em especial a de Daniel.

Leonardo Bittencourt nasceu no dia 23 de março de 1994, em Manaus (AM). Ainda criança, atuava em peças de teatro e cursava aulas de interpretação na escola em que estudava.

Aos 19 anos, o jovem largou a faculdade de Publicidade e, em 2013, se mudou para o Rio de Janeiro (RJ) e começou a estudar Teatro na Casa das Artes de Laranjeiras.

Dandara (Jeniffer Dias) e Hugo (Leonardo Bittencourt) em Malhação: Vidas Brasileiras - Globo/Paulo Belote - Globo/Paulo Belote
Dandara (Jeniffer Dias) e Hugo (Leonardo Bittencourt) em Malhação: Vidas Brasileiras
Imagem: Globo/Paulo Belote

O seu primeiro trabalho na televisão aconteceu em 2018, quando viveu Hugo Rabelo em "Malhação: Vidas Brasileiras", da TV Globo.

No ano seguinte, ainda na mesma emissora, Leonardo Bittencourt esteve na primeira temporada da série "Segunda Chamada", onde viveu o personagem Léo.

Em entrevista à Splash, o ator contou ter se baseado nos documentos do processo e, assim, criou o personagem e até tirou foto na cena do crime. Para ele, os autos —que serviram de base para o roteiro— eram bastante ricos em detalhes, com registros precisos de quando os fatos aconteceram, com até mesmo registros de traços do comportamento do casal.

Isso ajuda muito na composição de personagens reais, por mais que o rosto dele não seja não tão conhecido. Os fatos conhecidos são os mesmos para os dois.

Vem Aí

Seu próximo trabalho será "Temporada de Verão", série brasileira da Netflix, estrelada também por Giovanna Lancellotti, Gabz, Jorge López e Andréi Luiz Frambach. Bittencourt viverá o personagem Rodrigo.

Tricolor

Um detalhe importante sobre a vida do ator: ele é um torcedor fanático do São Paulo. Em fevereiro de 2020, ele chegou a jogar uma partida de futebol no Morumbi, o que o deixou muito emocionado.

20 dias depois de fazer uma cirurgia nos olhos, 8h de ônibus do Rio até São Paulo, jogar no sol das 14h... Todo esforço vale a pena. Viva para construir histórias e essa daqui é uma que eu vou me orgulhar de contar para os meus filhos.
Escreveu o ator nas redes sociais.

Leo da Massa

O bom humor é um traço marcante do ator, além das sobrancelhas, característica que ele mesmo gosta de comentar. "Grandes sobrancelhas trazem grandes responsabilidades", diz a bio de suas redes sociais.

Bastante ativo no Twitter e no Instagram, Bittencourt faz publicações engraçadas, como a abaixo, com uma comparação entre ele e o ator Adam Sandler.

Você pode assistir a Leonardo Bittencourt interpretando Daniel Cravinhos em "A Menina Que Matou Os Pais" e "O Menino Que Matou Meus Pais", filmes disponíveis no Amazon Prime Video.

Assine Amazon Prime e assista a "A Menina Que Matou os Pais" e "O Menino Que Matou Meus Pais":

Assinar Amazon Prime

*O UOL pode receber uma parcela das vendas pelo link recomendado neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.