PUBLICIDADE
Topo

Ator conta o que ele e Carla Diaz fumavam nos filmes do Caso Richthofen

Carla Diaz e Leonardo Bittencourt em cena de  "A Menina Que Matou Os Pais" e "O Menino Que Matou Meus Pais" - Divulgação
Carla Diaz e Leonardo Bittencourt em cena de 'A Menina Que Matou Os Pais' e 'O Menino Que Matou Meus Pais' Imagem: Divulgação

Colaboração para Splash, em São Paulo

27/09/2021 17h53

Com o lançamento de "A Menina Que Matou Os Pais" e "O Menino Que Matou Meus Pais", filmes sobre o caso von Richthofen, um detalhe chamou bastante a atenção dos espectadores.

Em várias cenas, os atores principais, Leonardo Bittencourt, que interpretou Daniel Cravinhos, e Carla Diaz, a Suzane von Richthofen, aparecem fumando.

Na trama, eles estão usando maconha — um hábito do casal real levado para os longas-metragens. Mas ao ser questionado sobre o que tinha nos cigarros, o ator contou no Twitter que eles fumavam camomila nas gravações.

Disponíveis no Prime Video, cada um dos longas mostra uma visão diferente do crime: pela versão de Suzane von Richthofen, vivida por Carla Diaz, ou pela ótica de Daniel Cravinhos, interpretado por Leonardo, de 27 anos.

Em conversa com Splash, na semana passada, a atriz disse ter sido bastante desafiador interpretar uma pessoa real e que precisou se afastar do próprio julgamento para poder vivê-la de maneira que fosse próxima da realidade.

"Quando eu soube que eu iria fazer [o filme], sabia da responsabilidade de interpretar uma história real de um dos crimes mais falados do Brasil, um dos mais chocantes e estarrecedores, que ainda gera muita discussão", contou.