PUBLICIDADE
Topo

Filho de doméstica estudava escutando rapper Hungria e virou juiz

De Splash, no Rio

26/09/2021 04h00

Hungria Hip Hop sabe do impacto de suas músicas e se emocionou ao contar uma história que é um bom exemplo disso no "OtaLab" desta semana. No bate-papo com Otaviano Costa, o rapper citou o caso de um fã que disse ter arrumado inspiração para realizar o sonho de ser juiz nas músicas dele.

Entrou um rapaz no camarim: 'Hungria, eu vim te agradecer, porque eu estudava escutando a sua música. Sou filho de uma ex-empregada doméstica e um ex-motorista de ônibus e hoje eu sou um juiz'. Ele falou para mim: 'Só queria te dar um abraço e te agradecer por tudo que você cantou.

O rapper falou que casos assim mostram a força da música. "Olha a proporção que a música toma. É incrível", comentou o artista, que também citou a história de Isaquias Queiroz, campeão olímpico da canoagem, que escolheu uma música do rapper para embalar a vitória em Tóquio. "É emocionante demais ver isso", comentou brincando: "Ele vai lá em casa, remar na piscina".

h - Reprodução - Reprodução
Hungria foi um dos convidados do "OtaLab" desta semana
Imagem: Reprodução

Show de carrões

Falando em velocidade, Hungria mostrou também a sua grande coleção de carros de luxo para Ota. "São R$ 200 de gasolina e o jantar é no espetinho", brincou o músico, sobre o alto custo da gasolina dos possantes.

Johnny Hooker também foi!

Além de Hungria, o "OtaLab" desta semana recebeu o também cantor Johnny Hooker. No papo com Ota, Johnny lembrou da polêmica que viveu em 2018, quando foi atacado por haters após defender uma atriz travesti: "Inventaram que eu tinha morrido no dia do meu aniversário. Acordei com a minha mãe me ligando", revelou o artista, que também falou que "o Brasil precisa voltar a beijar na boca".

E ainda teve Angélica!

Prestes a estrear na HBO Max, Angélica e os astrólogos e influenciadores Vitor diCastro e Paula Pires mostraram os detalhes do que vem por aí em "Jornada Astral".

Você pode assistir a toda a programação do Canal UOL aqui.