PUBLICIDADE
Topo

Homem vestido de Michael Myers é preso após tentar imitar terror em praia

Advogado foi detido após denúncia de moradores mas contou que alguns banhistas entraram na brincadeira - Reprodução/Twitter
Advogado foi detido após denúncia de moradores mas contou que alguns banhistas entraram na brincadeira Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

14/09/2021 18h54Atualizada em 14/09/2021 18h54

Um homem foi preso em uma praia na ilha de Galveston, no Texas (EUA), após tentar imitar o personagem Michael Myers, conhecido como protagonista da franquia de terror "Halloween", um clássico do gênero.

O idealizador da "pegadinha" é um advogado identificado como Mark Metzger, que em depoimento disse estar habituado a fazer brincadeiras do tipo. Mas os pedestres que passeavam pela praia não pareceram apreciar o humor do rapaz e logo o denunciaram para a polícia, relatando o comportamento estranho do suspeito, que andava pela areia vestido como Myers, andando de um jeito semelhante ao do personagem, e segurando uma faca aparentemente ensanguentada.

A aparição do homem foi registrada também por uma jornalista da ABC13, que reportava a aproximação do furacão Nicholas ao estado, na tarde de ontem, quando avistou o "novo" Michael Myers, que apareceu pela primeira vez em um filme de terror em 1978.

Quando a polícia chegou ao local, depois de receber as denúncias de testemunhas, eles prenderam Metzger e apuraram que a faca e o sangue eram falsos. O advogado foi autuado por "conduta desordeira" e liberado.

Metzger justificou que estava tentando encontrar "um pouco de positividade" em meio à tensão criada na ilha pela aproximação da forte tempestade.

"Eu acho que eles não gostaram muito. Acho que algumas pessoas não tem senso de humor ou que, sabe, não dá pra agradar todo mundo", argumentou ele em entrevista à ABC13.

Um dos moradores da região, Adam Garrison, criticou a "atuação" do homem em meio à chegada da tempestade que ameaçava a costa texana, afirmando que a brincadeira foi "burra" e que ele provavelmente estava querendo "chamar a atenção", reportou o canal.

Mas apesar de considerar o momento inapropriado, ele confessou que acabou dando risada da situação, que definiu como "apenas mais um dia na ilha".

E Garrison não foi o único que acabou entrando no clima da pegadinha do advogado. O advogado contou que algumas pessoas o pararam para tirar fotos e que os guardas costeiros até mesmo tocaram a música tema do filme "Halloween" quando passaram por ele.