PUBLICIDADE
Topo

Por que o novo álbum do Kanye West não tem nenhum palavrão? Fãs especulam

Alguns fãs estranharam o fato de que o álbum "Donda" não tem o selo de "explícito"
Alguns fãs estranharam o fato de que o álbum "Donda" não tem o selo de "explícito"
Kevin Mazur/Getty Images

De Splash, em São Paulo

29/08/2021 12h59

Após uma série de adiamentos, foi lançado hoje de surpresa "Donda", o novo álbum de Kanye West.

Logo de cara, os fãs perceberam: ele não tem o selo de "conteúdo explícito", usado quando pelo menos uma música do álbum tem palavrões ou temáticas sexuais, violentas ou ofensivas.

Continua depois da publicidade

E não são só os fãs brasileiros!

No Twitter, tem gente em várias línguas pedindo: "Legal, agora lancem a versão explícita de Donda, por favor".

O último álbum do rapper, "Jesus Is King" (2019), também não tem o selo de conteúdo explícito.

Jesus Is King - Reprodução/Twitter - Reprodução/Twitter
Imagem: Reprodução/Twitter

Mas como a proposta de "Donda" não parecia ser um álbum com inspiração gospel como seu antecessor, alguns fãs esperavam pelo menos um pouquinho de baixaria!

E já começaram as teorias!

Alguns acreditam que o álbum é "clean" porque saiu num domingo, dia de missa. Até o ano passado, Kanye tinha o "Sunday Service", uma celebração religiosa semanal aos domingos.

Continua depois da publicidade

Outros acham que o álbum é clean por ser uma homenagem à mãe de Kanye!

"Donda" é o nome da mãe do artista, que morreu em 2007 por complicações de uma cirurgia plástica.

Também tem gente achando que o álbum vai sair do ar:

Outros já estão preparados para a versão deluxe não censurada:

Se a intenção era fazer os fãs pensarem em religião, funcionou!

Continua depois da publicidade

Mas nem todo mundo gostou.

Tem gente que não consegue ouvir o álbum sabendo que ele chamou Marilyn Manson e DaBaby, acusados respectivamente de estupro e homofobia, para o último evento de audição.

Os dois também estão creditados em "Jail pt 2", que para alguns fãs aparece bloqueada no álbum: