PUBLICIDADE
Topo

Britney Spears é acusada de agressão a funcionária; assessores negam

Britney Spears manda indireta para familiares no Instagram - Reprodução/Instagram
Britney Spears manda indireta para familiares no Instagram Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o Splash, em São Paulo

19/08/2021 15h21Atualizada em 20/08/2021 07h31

Britney Spears está sendo acusada de agressão a uma de suas funcionárias de longa data nesta semana. O staff da cantora, no entanto, negam as acusações e dizem que a suposta violência é "invenção".

Segundo informações publicadas pelo site "TMZ", a polícia de Ventura, cidade na Califórnia, foram chamados para uma ocorrência na mansão onde mora a popstar. Lá, uma funcionária afirmou que havia levado um dos cachorros de Britney para o veterinário, alegando problemas no tratamento do animal, o que teria gerado a insatisfação da cantora.

Assim que a funcionária retornou do veterinário, ela e Britney entraram em uma discussão sobre o bem-estar do animal, e em um momento de raiva, a cantora teria arrancado o telefone das mãos da governanta, que imediatamente chamou a polícia, mas acabou indo até à delegacia para registrar a ocorrência.

O site diz que a polícia local tentou entrar em contato com Britney para colher seu depoimento sobre o caso, mas ela se recusou a falar. Fontes ligadas a artista negaram qualquer contato físico entre ela e a funcionária durante a discussão, e afirmaram que o responsável pelo departamento policial garantiu a eles que o caso "não iria a lugar algum".

No entanto, o portal norte-americano entrou em contato com a delegacia de Ventura, que informou que ainda está investigando o caso e o enviará para o Ministério Público, que vai decidir se seguirá com o caso.

Britney está envolvida em rumoroso caso para encerrar a tutela, ao qual vem sendo submetida desde 2008. A cantora teria dito em um bombástico depoimento durante audiência sobre o caso, em julho, que foi forçada a fazer a turnê "Piece of Me" pela Europa em 2018. As informações são de fontes próximas ao TMZ.

No suposto trecho divulgado pelo site, Britney Spears disse que tudo foi muito "assustador": "Eu estava em turnê em 2018. Fui forçada a fazer... minha administração disse que se eu não fizesse essa turnê, teria que encontrar um advogado."

Segundo a cantora, a própria administração poderia processá-la se não seguisse com a turnê. "Me entregaram uma folha de papel quando eu saí do palco em Las Vegas e disseram que eu tinha que assinar. Foi muito ameaçador e assustador."