PUBLICIDADE
Topo

Entenda a treta entre Lucy Liu e Bill Murray no set de 'As Panteras'

Drew Barrymore, Cameron Diaz, Bill Murray e Lucy Liu em "As Panteras" (2000) - Divulgação
Drew Barrymore, Cameron Diaz, Bill Murray e Lucy Liu em "As Panteras" (2000) Imagem: Divulgação

De Splash, em São Paulo

28/07/2021 14h11

Lucy Liu deu nesta semana sua versão sobre uma polêmica que já dura anos: sua briga com Bill Murray no set de "As Panteras" (2000).

Em entrevista ao podcast "Asian Enough", do jornal Los Angeles Times, ela confirmou que o ator a ofendeu durante as gravações: "Não vou dar detalhes, mas ele não parava".

Parte do que ele falou foi indesculpável e inaceitável, e eu não podia ficar parada lá, aceitando. Então, sim, eu me defendi, e não me arrependo. Lucy Liu sobre Bill Murray

"Não importa em que ponto da hierarquia você está ou de onde você veio, não há necessidade de ser condescendente ou diminuir outras pessoas. E eu não ia aceitar, nem deveria ter aceitado", completou a atriz.

De acordo com o site NME, Bill Murray falou sobre o caso em 2009, quando afirmou: "Olha, eu vou te rejeitar completamente se você não é profissional quando trabalha comigo... Quando nosso relacionamento é profissional, e você não faz isso, esqueça".

A polêmica voltou à tona neste mês quando Shaun O'Banion, que aparece nos créditos do filme como produtor assistente, fez uma série de tweets contando o que viu no set.

Shaun diz que tudo começou quando Bill Murray decidiu reescrever uma série de cenas sem consultar ninguém — nem os roteiristas, nem Drew Barrymore, que além de atriz era uma das produtoras de "As Panteras".

O produtor assistente afirma que Lucy Liu disse que a atitude do ator era inaceitável, ao que Murray respondeu: "Eu não sei por que você está reclamando. Eu te dei mais falas. Quer dizer... Olha quem está aqui com você. Você é uma atriz de TV, isso aqui é a coisa de verdade".

Então, Lucy Liu gritou: "Vai se f****, seu filho da p***". Shaun O'Banion diz que Lucy saiu do local chorando, enquanto Cameron Diaz tentava manter a paz e proteger Drew Barrymore. Ele afirma, ainda, que depois Bill Murray se desculpou: "Mas não foi honesto, na minha opinião".

Segundo O'Banion, há rumores de que Bill Murray mudou de atitude com o passar dos anos — ele afirma que chegou a trabalhar com o ator depois de "As Panteras", e foi bem tratado. Lucy Liu diz não ter ressentimentos, mas também não se arrepende:

Anos mais tarde, talvez até décadas mais tarde, membros da equipe que eu nem conhecia na época foram até mim em outras produções, disseram que estavam lá e me agradeceram por fazer isso. Eu não tenho nada contra Bill Murray. Eu encontrei depois em uma reunião do Saturday Night Live, ele falou comigo e foi perfeitamente gentil. Mas não vou aceitar ser atacada. Lucy Liu

Ela diz que a repercussão do caso a marcou muito: "O que saiu na imprensa foi que eu era isso ou aquilo. Foi inacreditável para mim como inverteram a história e automaticamente assumiram que a mulher era a problemática".