PUBLICIDADE
Topo

'Atenção' vai parar no XVideos após rumor falso de boicote no YouTube

Luísa Sonza em imagem de divulgação do single "Atenção", parceria com Pedro Sampaio - Reprodução/Twitter
Luísa Sonza em imagem de divulgação do single 'Atenção', parceria com Pedro Sampaio Imagem: Reprodução/Twitter

Caio Coletti

De Splash, em São Paulo

18/05/2021 15h43

Um rumor de que o YouTube teria restringido a visualização do clipe de "Atenção", de Pedro Sampaio e Luísa Sonza, para maiores de 18 anos, levou um fã a baixar o vídeo e postá-lo na plataforma de pornografia XVideos. O boato, no entanto, seria infundado.

Fontes de Splash alegaram que o clipe de Luísa e Pedro não está nem nunca foi colocado sob restrição pelo YouTube desde a postagem, no último dia 14 de maio. Desde então, o vídeo já acumula mais de 5 milhões de visualizações.

Os dois artistas, mesmo assim, tuitaram sobre a situação. Luísa não citou o YouTube especificamente, mas discursou sobre a responsabilidade dos pais em ditarem o que os filhos devem ou não assistir.

Assistam, só isso. Valorizem nosso pop. A gente sempre é boicotada de alguma forma, não importa o que seja. E outra, a responsabilidade pelas crianças são dos pais, não dos artistas. A gente tá fazendo nossa música pra dançar, com coreô, com bunda sim. A gente gosta. A gente se diverte. Se não, não faria tanto sucesso como faz. Cabe aos pais decidirem o que a criança pode ou não assistir."
Luísa Sonza no Twitter

Já Pedro foi mais direto, dizendo no Twitter que "recebeu a informação" que o YouTube estaria "limitando o alcance" do clipe, por alegação de conteúdo explícito.

Quem viu o clipe sabe que entregamos uma estética incrível, conceito, coreografia e magia. Estamos levando arte e alegria no clipe! Continuem ouvindo e assistindo. É incrível o quanto uma bunda incomoda. Se entrarmos no mérito sobre o que é sensual ou não, vamos ter um debate infinito. Tem pais que não deixam seus filhos/as usarem batom porque consideram isso sensual... Claro que temos que respeitar, mas entendemos que é uma escolha individual daqueles pais."
Pedro Sampaio no Twitter

Splash entrou em contato com as assessorias de Luísa Sonza e Pedro Sampaio para comentar o caso, mas não recebeu resposta até a publicação desta nota.