PUBLICIDADE
Topo

Madonna protesta a favor do controle de armas nos EUA: 'Nova vacina'

Madonna protesta a favor do controle de armas nos Estados Unidos - Reprodução/Instagram
Madonna protesta a favor do controle de armas nos Estados Unidos Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/04/2021 10h57Atualizada em 18/04/2021 10h59

Em uma publicação feita em sua conta no Instagram, Madonna apareceu fazendo um protesto em que pede maior controle de armas nos Estados Unidos. Segundo ela, essa medida deveria ser obrigatória aos cidadãos norte-americanos.

"Fique alerta sobre essa nova vacina para os norte-americanos que vai nos deixar vivos, vai proteger todos nós", iniciou a cantora, fazendo referência à pandemia do novo coronavírus, para em seguida afirmar: "Isso é chamada de controle de armas, ok? Nova vacina. Deveria ser obrigatória. Todos somos cidadãos".

Em seguida, ela aparece colando vários cartazes em uma rua, fazendo apologia ao controle de armas. Ela também postou fotos em que fala sobre o tema: em uma delas, Madonna aparece com uma camiseta estampada com a frase: "Wake up, America" ("Acorde, América, em tradução livre).

"Adam Toledo tinha 13 anos, Daunte Wright tinha 20! Os oficiais que os mataram estão sendo apenas acusados de homicídio culposo. Isto é loucura. Horrível. E ainda assim tornou-se normalizado em nossa sociedade. Sim, pessoas matam pessoas, não armas. Mas a grande maioria das pessoas não é iluminada e as armas são muito fáceis de possuir", escreveu ela, citando casos de violência policial.

Madonna prosseguiu: "Se eles fossem proibidos, ninguém sentiria a necessidade de possuir uma arma para se proteger daqueles que têm armas. Quanto à polícia matando crianças inocentes. Atirando, sufocando e brutalizando pessoas inocentes. Eles deveriam ir imediatamente para a prisão pelo resto de suas vidas. Sem julgamento, sem sistema de justiça corrupto", enfatizou.